Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Governo deve esclarecer aos médicos se há ou não verba para lhes aumentar o salário exige LDH

A presidente da Liga dos Direitos Humanos (LDM) em Moçambique, Alice Mabote, considera que greve dos médicos filiados à Associação Médica de Moçambique (AMM), que decorre à escala nacional, desde esta segunda-feira (07), deve ter um desfecho a breve trecho para permitir que aqueles profissionais retomem ao trabalho nas diferentes unidades sanitárias.

Segundo ela, em contacto com o @Verdade, “cabe ao Executivo resolver esta situação (greve dos médicos)”, cujo desfecho pode estar próximo porque será criada uma comissão de negociações, liderada pela própria Liga, entre o Governo e os médicos, sobre o aumento salarial. O Executivo deve esclarecer aos médicos se há ou não verba para lhes aumentar o salário conforme exigem.

A referida comissão será composta por representantes do Governo (Alexandre Manguele e Emanuel Chang), dos médicos e da sociedade civil (Conselhos Islâmico e Cristão de Moçambique). A data em que as partes irão sentar à mesma mesa está ainda por anunciar.

Alice Mabote disse-nos também que o ministro da Saúde, Alexandre Manguele, garante que nenhuma medida disciplinares será aplicada aos médicos envolvidos na greve. O que se quer é chegar-se a um consenso.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!