Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Jogos africanos: Argélia e Egipto prometem apoiar Moçambique

As autoridades desportivas do Egipto e Argélia prometem apoiar Moçambique na organização da X Edição dos Jogos Africanos, que a cidade de Maputo vai acolher em 2011. Estas promessas foram expressas ao Vice-Ministro da Juventude e Desportos, Carlos Sousa, que durante quatro dias visitou os dois países do norte de África.

Segundo a Rádio Moçambique, estação pública, citando o Vice-Ministro, a Argélia poderá envolver-se na organização técnica do evento. Assim, os argelinos e os moçambicanos terão os softwares de organização e controlo dos jogos, para além do sistema de acreditação dos participantes do certame. Enquanto isso, os egípcios poderão transmitir a sua experiência para que o evento de Maputo registe melhorias significativas em relação aos nove anteriores eventos.

Segundo Sousa, para que estas promessas se materializem, os ministérios dos desportos dos três países irão rubricar acordos de parceria e protocolos de entendimento em Outubro próximo, nas cidades de Maputo e Argel. Desta feita, o primeiro acordo será rubricado em Maputo entre o Executivo moçambicano e as autoridades egípcias para, dias depois, assinarem-se os acordos de parceria entre as autoridades moçambicanas e argelinas, em Argel.

De referir que os Jogos Africanos de 2011 vão custar mais de 100 milhões de dólares norte-americanos, dos quais 60 milhões destinam-se essencialmente as actividades inseridas na planificação, preparação e até a realização dos jogos que vão juntar, em Maputo, cerca de 6.500 atletas a competirem em 24 modalidades diferentes, algumas sobejamente conhecidas e outras quase desconhecidas.

A reabilitação das infra-estruturas desportivas já existentes na capital moçambicana (devendo ser requintadas, como é o caso dos pavilhões gimnodesportivos, campos, piscinas e muitas outras) está avaliada em cerca de 50 milhões de dólares.

Os Jogos Africanos, a serem disputados em Maputo, Matola, Bilene e Chidenguele, estes dois últimos na província meridional de Gaza, serão vistos nos quatro quadrantes do mundo por via das televisões e internet e o nome do país entrará na rota dos eventos multidesportivos internacionais e fará história.

Aliás, os vencedores das modalidades olímpicas ficam automaticamente qualificados para os próximos Jogos Olímpicos ‘Londres 2012’. Refira-se que a primeira participação de Moçambique nos jogos africanos aconteceu na edição de 1987, no Quénia, tendo conseguido sete medalhas.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!