Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Zambézia cresceu aos olhos do Governo

O governo provincial e a sociedade civil na província da Zambézia, sentaram-se à mesma mesa, esta Quarta-feira, para mais uma análise do Observatório Provincial de Desenvolvimento.

Nestas ocasiões, o governo faz tudo para passar a sua classe, apresentando números gordos de realizações e até percentagens que chegam aos 200 %.

Os relatórios têm espelhado aquilo que o governo faz ao longo do ano em todas as vertentes do trabalho. Esta Quarta-feira, a regra manteve-se.

O governo, na sua máxima força, foi chefiado pelo respectivo governador provincial, Francisco Itai Meque, naquela sala de sessões, os números de crescimento económico apresentados mostraram que a província da Zambézia conseguiu uma produção global situada em cerca de 6%, contra os 5% do ano passado em igual período.

Esta foi a tónica principal dos debates entre o executivo e a sociedade civil. O governo defendeu este crescimento como sendo resultado da conjugação de vários esforços entre os sectores e, sobretudo, no cumprimento do planificado.

Sociedade Civil pede mais trabalho

Neste rol de debate, ou seja, neste frente-a-frente, a Sociedade Civil, depois de ouvir o que foi apresentando pelo governo da Zambézia, mostrou que entende também alguma coisa no crescimento económico.

Foi dai que os participantes pediram para que o governo não se vangloriasse com os números que tem, numa altura em que a província continua a registar índices de pobreza elevados.

A população continua a viver pobre, mesmo com os números gordos apresentados pelo governo.

Em jeito de apelo, a Sociedade Civil pediu mais uma vez ao governo da Zambézia para redobrar esforços no sentido de limar muitas dificuldades que a população enfrenta.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!