Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Xiconhoquices da semana: Falta de acção disciplinar cvontra funcionários públicos corruptos; CNE…

Xiconhoquices da semana: Falta de acção disciplinar cvontra funcionários públicos corruptos; CNE...

Os nossos leitores elegeram as seguintes xiconhoquices na semana finda:

Falta de acção disciplinar cvontra funcionários públicos corruptos

Na última terça-feira, a Procuradoria-Geral da República (PGR), o Gabinete Central de Combate à Corrupção (GCCC), o Instituto Nacional dos Transportes Terrestres (INATTER), a Administração Nacional de Estradas (ANE), a Polícia de Trânsito (PT), o Ministério da Função Pública e outras instituições reuniram-se em Maputo para debater a “Corrupção e Sinistralidade”. Temos assistido a vários seminários desta natureza cujo propósito é encontrar formas eficazes de combater a corrupção, mormente na Função Pública.

O clamor pelo fim deste mal em Moçambique ecoa de vários cantos mas, pelo contrario, são vários os funcionários públicos continuam a enveredar por este caminho e pouco ou nada lhes acontece. Quanto mais se fala sobre a corrupção parece que o problema é novo e pouco se sabe sobre ele. As leis com vista a combater este mal só funcionam para os “pilha-galinhas”.

É preciso haver responsabilidade disciplinar e criminal sobre aqueles servidores públicos que se envolvem em actos de depravação tais como aceitar dinheiro para emitir atestados médicos falsos a determinados indivíduos, segundo disse directora do GCCC, Ana Maria Gemo.

CNE ainda não forneceu resultados completos e detalhados

Há falta de transparência na Comissão Nacional de Eleições (CNE). Este órgão, que entre várias máculas, tem a má fama de ter organizado uma mega-fraude nas últimas eleições para prestar vassalagem ao partido no poder, ainda não tem os resultados completos e está sem dados do financiamento aos partidos.

Apesar dos repetidos pedidos, a CNE ainda não forneceu resultados eleitorais completos. Quando se pensava que a farra das irregularidades tinha terminado, eis que se constata que os resultados, que foram distribuídos no dia 30 de Outubro, último dia permitido pela Lei, não incluem os resultados detalhados das províncias, por distrito e por assembleias províncias.

Os resultados distritais da CNE são importantes porque podem ser confrontados com os resultados anunciados pelas comissões distritais de eleições. Mas até agora, este órgão anunciou apenas o número de assentos para as assembleias provinciais para cada um dos partidos, por distrito, mas não deu os detalhes dos resultados distritais. Da mesma forma, temos vindo a pedir a mais de um mês para obter mais detalhes sobre o financiamento dos partidos, mas isto vem sendo recusado.

Bang exibe a esposa em trajes íntimos num vídeo nas redes sociais

Actualmente a nossa sociedade encontra-se acometida por uma série de acontecimentos que atrapalham a vida de todos nós e nos deixam agastados. O empresário Adelson Mourinho, mais conhecido por Bang, e dono da conceituada agência de produção e promoção de música, a Bang Entretenimento, volta a subir, pelos piores motivos, ao pódio dos xicos, em consequência de ter difundido um vídeo no qual a esposa Liza James aparece de roupas íntimas, o que contraria as normas de boa conduta social.

A atitude do jovem moçambicano, de todo em todo condenável, lembra-nos o comportamento infantil da adolescente identificada pelo nome de Shelda, que, há meses, envolveu-se numa cena sexual com alguns miúdos da sua idade e posteriormente disseminaram as fotos pelas redes sociais, principalmente pelo Facebook.

A repercussão chocou as pessoas que tiveram acesso às fotos em causa e levou muita gente a repensar sobre a forma como os miúdos são educados pelos pais. Em relação ao Bang, que é adulto com barba rija, temos apenas um conselho para ele: que fale com os mais velhos para te ensinarem a viver.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!