Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Voto na matéria

A próxima quarta-feira, 28 de Outubro, é um dia especial e muito importante para todos nós moçambicanos. O país irá conhecer as suas quartas eleições presidenciais e legislativas e, pela primeira vez, provinciais. Haverá, por conseguinte, três boletins para se preencher e posteriormente três urnas para se depositarem as escolhas. Com um simples sinal de cruz, o eleitor escolherá um presidente, um parlamento e uma assembleia provincial para os próximos cinco anos. Elegerá quem quer que o governe e quem não quer que o governe.

Por isso é que se diz que o voto é a maior arma do povo. Nesta altura, como refere um anúncio publicitário muito em voga, somos nós que escolhemos o nosso cardápio, o nosso peixe com legumes. Ninguém gosta de ir ao restaurante e sujeitarse a que escolham por ele. Quando alguém escolhe por nós reclamamos logo com uma frase que repetimos até à exaustão:

“Mas eu não tenho voto na matéria!”

Pois é, na quarta-feira temos todos voto na matéria porque só pelo voto podemos dizer que estamos contentes com o actual estado de coisas ou se queremos alterá-lo. O voto é, indubitavelmente, o maior recurso que o cidadão tem nas mãos.

Ficar em casa no próximo dia 28 é atentar contra a democracia e desrespeitar todos aqueles que, muitas vezes vertendo o próprio sangue, lutaram para que pudéssemos exercer o nosso direito e dever como cidadãos plenos.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!