Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

USD 3,5 biliões para infra- -estruturas agrícolas em África

Moçambique é um dos beneficiários dos cerca de 3,5 biliões de dólares norte-americanos alocados pelo Banco Mundial (BIRD) para vários países da África para construção e/ou reabilitação de diversas infra-estruturas agrícolas com vista à minimização das grandes carências de cereais.

O presidente do BIRD, Robert Zoellick, que anunciou a disponibilização do fundo a jornalistas moçambicanos, assegurou que se pretende com o financiamento garantir “uma qualidade internacionalmente aceitável da produção agrícola, não apenas para consumo interno, como também para exportação e assim, ter-se dinheiro para importações”.

Zoellick mostrou-se preocupado com “o estado deplorável ou inexistente das infra-estruturas em África, situação que está a concorrer para a insegurança alimentar que grassa o continente, em particular, Moçambique e Malawi”, salientou a dado passo o presidente do BIRD. Ele falava num vide-conferência na última sexta-feira, a partir da Etiópia e para jornalistas de 25 países africanos, incluíndo Moçambique, que serviu para pôr fim ao seu périplo pelo continente de oito dias.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!