Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

USAID, Gapi e BlueTown juntos na inclusão digital da mulher

USAID

FimUm projecto conjunto entre a empresa moçambicana Gapi-SI e a dinamarquesa BlueTown é um dos nove seleccionados, numa iniciativa mundial designada WomenConnect Challenge lançada pela USAID. A participação nesta iniciativa, que contou com cerca de 500 candidaturas de 89 países de todo mundo, é um primeiro e importante passo na colaboração entre estas duas empresas para promover a inclusão digital e tecnológica da mulher rural em Moçambique.

O Desafio WomenConnect é um concurso global da USAID para soluções que visam mudar, significativamente, a forma como as mulheres e meninas acessam à tecnologia, para gerar resultados positivos para a saúde, a educação e meios de subsistência para elas e suas famílias. A proposta da Bluetown-Gapi vai começar a ser implementada de forma experimental, no distrito de Ribaué, província de Nampula.

“Investir em mulheres e meninas acelera os resultados de desenvolvimento nas áreas da saúde, segurança alimentar, prevenção de conflitos e não só”, de acordo com Mark Green, o administrador geral da USAID, em Washington.

A proposta vencedora, Women In the Network (WIN) na expressão inglesa que significa “Mulheres Conectadas” , descreve uma abordagem abrangente para responder à divisão digital entre o género. O projecto propõe a integração das soluções de conectividade da BlueTown – ligar plataformas desconectadas a uma Local-CLOUD – com a experiência comprovada da Gapi em promover a participação financeira das mulheres rurais e o desenvolvimento de habilidades de empreendedorismo em Moçambique.

“Estamos ansiosos e orgulhosos em ser um dos vencedores do desafio do Women Connect. Temos grandes expectativas neste projecto e nesta parceria com a Gapi. Acreditamos que a solução da exclusão digital, incluindo a divisão digital de género, requer novos modelos e parcerias inovadoras. Isto é exactamente o que encontramos com a Gapi e o WomenConnect é testemunho disso”- disse Mogens Birk, vice-presidente de Parcerias & Alianças da BlueTown.

Os parceiros prevêm que a integração dos serviços prestados pela Gapi com os serviços de conectividade da BlueTown e a plataforma Local-CLOUD, aumentará a adopção e o uso efectivo de ferramentas digitais para mulheres em comunidades rurais moçambicanas. Isso ajudará mais mulheres a entrarem no mercado agrícola digital e dará acesso a novas actividades geradoras de renda.

“Este é um passo importante no reconhecimento e apoio da estratégia de desenvolvimento rural da Gapi. Nós nos concentramos na promoção de mulheres e jovens, para contribuir para um desenvolvimento mais inclusivo através da ascensão e advento de startups e pequenas empresas. Sabemos que o acesso à informação é vital para a implementação e o sucesso dos sonhos e empreendimentos de milhões de jovens rurais, particularmente as mulheres. Confiamos na parceria com profissionais credíveis de TICs. Esta é a razão pela qual nós e a BlueTown estamos juntos”, enalteceu António Souto, CEO da Gapi-SI.

O projecto arranca no início de 2019 em Nampula, Moçambique e os parceiros veem o projecto como o pontapé inicial, de uma parceria maior para impulsionar uma adopção digital significativa, melhorando os meios de subsistência rurais em todo Moçambique.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!