Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Ungulani Ba Ka Khosa vence prémio BCI Literatura 2013

O conceituado escritor moçambicano Ungulani Ba ka Khosa, pseudónimo de Francisco Esaú Cossa, venceu na quinta-feira, a quarta edição do prémio anual BCI Literatura referente ao ano 2013, organizado pelo Banco Comercial de Investimento (BCI) para promoção da literatura em Moçambique. A obra premiada é “Entre Memórias Silenciadas”.

Trata-se de um trabalho que aborda histórias recentes que acompanham a vida dos moçambicanos, com especial atenção para os campos de reeducação, estabelecidos após a independência do país, em 1975.

Falando aos convidados, Ungulani disse que o prémio, 200 mil meticais, é consequência do seu trabalho como escritor, por que “os prémios não são a razão nem a finalidade de quem escreve, mas sim a consequência da escrita”, daí que promete continuar a escrever para educar e consciencializar os leitores.

Ungulani tenciona ainda lançar mais um livro ao longo deste ano, mas lembra que não vai concorrer em nenhuma competição do género, com vista a dar espaço aos outros artistas.

De referir que para o prémio Literatura BCI 2013 concorreram diversos escritores nacionais, membros da sociedade civil e membros da direcção do Banco Comercial de Investimentos.

 

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!