Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Turistas sul-africanos continuam a praticar desmandos nas praias moçambicanas

Uma média diária de 10 turistas da África do Sul tem vindo a ser surpreendida a praticar pesca recreativa ilegal nas estâncias turísticas de Zavala, na província de Inhambane, Angoche, em Nampula, Ponta do Ouro, no Maputo, e nas margens do rio Save, nas províncias de Inhambane e Sofala.

Estes turistas hospedam-se em lodges dos seus compatriotas localizados naquelas regiões, segundo Manuel Castiano, director nacional de Fiscalização do Ministério das Pescas, ajuntando que para estes casos têm sido aplicadas multas e são retidas as embarcações usadas na pesca de recreação ilegal.

Uma outra medida aplicada contra estas infracções é a obrigatoriedade de todas as embarcações dos turistas trazidas dos seus países de origem serem registadas pelas autoridades da Administração Marítima de Moçambique para passarem a praticar legalmente aquela actividade.

Cada veraneante está autorizado a pescar apenas seis quilogramas de peixe.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!