Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Turismo em Inhambane atinge 42 milhões de dólares

O volume do investimento no sector do turismo na província de Inhambane, sul de Moçambique, atingiu 42 milhões de dólares norte-americanos durante os primeiros seis meses de 2009, representando um crescimento assinalável relativamente a período homólogo de 2008, indicam dados da direcção provincial do Turismo a que a AIM teve acesso. 

Segundo os mesmos dados, divulgados domingo findo, no contexto das celebrações do Dia Mundial do Turismo, no período em análise, a direcção provincial do Turismo em Inhambane aprovou um total de 23 novos projectos turísticos, o que representa também um incremento em relação a igual período de 2008. Alguns dos projectos incluem a construção de hotéis de luxo.

Os projectos aprovados já em processo de desenvolvimento ao longo dos cerca de 700 quilómetros da costa de Inhambane possibilitaram a criação de cerca de 320 novos empregos, figurando o sector do turismo na lista dos sectores que mais geraram postos de trabalho. Apesar da presente crise económicofinanceira internacional, o número de turistas que visitaram a província de Inhambane durante o primeiro semestre de 2009 registou um incremento, fixando-se em cerca de 60.300 visitantes.

Inhambane está a investir cerca de oito milhões de dólares na aplicação de um projecto âncora para o desenvolvimento de turismo de alta qualidade, de modo a incrementar a contribuição deste sector para o desenvolvimento do país em geral e da província em particular. Ao longo da costa de Inhambane vêmse empreendimentos turísticos de diferentes níveis, num esforço destinado a desenvolver um turismo de alta qualidade, ou seja, que tenha melhor enquadramento em termos de infra-estruturas e equipamentos modernos, bem como no contexto sócio-ambiental.

Presentemente, a área do turismo em Inhambane tem disponíveis cinco milhões de dólares, um financiamento do Banco Mundial destinado ao desenvolvimento do sector turístico fortemente afectado pela presente crise financeira internacional. O financiamento cobre um período de cinco anos e visa apoiar o empresariado do sector turístico a desenvolver as suas actividades, incluindo a construção e reabilitação de infra-estruturas, algumas das quais haviam sido danificadas pelo temporal que se abateu sobre a costa de Inhambane, no início de 2009.

A disponibilização daquele montante pelo Banco Mundial resultou de esforços realizados pelo Governo moçambicano no sentido de apoiar o desenvolvimento do sector do turismo na província de Inhambane, dotada de um enorme potencial turístico.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!