Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Troika da SADC discute crise política Zimbabwe

A Troika do “órgão da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) para a Cooperação nas Áreas da Política, Defesa e Segurança está reúnido esta quinta-feira na capital moçambicana, Maputo, para analisar os mais recentes desenvolvimentos no Zimbabwe, no que tange a implementação do Governo de Unidade Nacional (GUN).

O Secretário Executivo da SADC, o moçambicano Tomaz Salomão, disse que o encontro da troika do órgão dos 15 Estados membros do bloco regional juntará os três maiores actores políticos do Zimbabwe; o Presidente Robert Mugabe, o Primeiro- Ministro Morgan Tsvangirai, e o Vice-Primeiro Ministro Arthur Mutambara respectivamente.

No encontro, que surge na sequência da reunião havida entre o presidente em A Troika do “órgão da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) para a Cooperação nas Áreas da Política, Defesa e Segurança reúne-se quinta-feira na capital moçambicana, Maputo, para analisar os mais recentes desenvolvimentos no Zimbabwe, no que tange a implementação do Governo de Unidade Nacional (GUN).

O Secretário Executivo da SADC, o moçambicano Tomaz Salomão, disse que o encontro da troika do órgão dos 15 Estados membros do bloco regional juntará os três maiores actores políticos do Zimbabwe; o Presidente Robert Mugabe, o Primeiro- Ministro Morgan Tsvangirai, e o Vice-Primeiro Ministro Arthur Mutambara respectivamente.

No encontro, que surge na sequência da reunião havida entre o presidente em a salvar o país da prolongada crise política. “Estamos confiantes no sucesso das negociações a avaliar pelo alto cometimento dos actores políticos, com vista a implementação efectiva do governo de unidade nacional no Zimbabwe”, sublinhou Salomão.

Os mais recentes desenvolvimentos no Lesotho e em Madagáscar, país insular da SADC, serão, segundo a fonte, igualmente debatidos na cimeira da troika, de apenas um dia, com vista a encontrar uma saída para o acordo de formação do Governo Transição naquela Ilha do Oceano Índico.

Aliás, a mediação conjunta da crise malgaxe está reunida em Addis Abeba, Etiópia, sede da União Africana (UA), para avaliar medidas de concertação da crise resultante da não observância do acordado no final da Segunda Ronda de Diálogo Malgaxe mediada pelo ex-presidente moçambicano, Joaquim Chissano.

Tomaz Salomão disse que estarão igualmente presentes na cimeira de Maputo o Vice-Presidente da Troika, Rupiah Banda, o Monarca da Swazilândia Mswati III, o Presidente em exercício da SADC, Joseph Kabila, e o Presidente África do Sul, Jacob Zuma, que desempenhava o cargo até a cimeira de Kinshasa.

O vice-presidente da Zâmbia, que é esperado em Maputo para o encontro da troika, está a participar em uma cimeira nos Grandes Lagos, mas o seu ministro dos negócios estrangeiros encontra-se já no país. A SADC conseguiu um acordo, em Janeiro último, para a formação de um governo inclusivo entre o partido no poder há 29 anos e o maior partido da oposição MDC.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!