Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Três membros das FADM vandalizam Esquadra da PRM em Cabo Delgado

Um posto policial localizado na cidade de Pemba, província de Cabo Delgado, foi, há dias, vandalizado por militares das Forças Armadas de Defesa de Moçambique (FADM) quando pretendiam livrar-se de um processo-crime contra eles aberto por alegado “delito comum”.

Os envolvidos naquela accão encontram-se detidos naquela urbe, segundo Pedro Cossa, porta-voz do Comando Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM), estando em curso produção de matéria criminal para serem julgados em tribunal. Para Cossa, “este tipo de casos é frequente, em Cabo Delgado, praticados por agentes das Forças Armadas de Defesa de Moçambique”.

Entretanto, uma mulher da cidade de Maputo encontra-se também detida pela PRM acusada de ter morto o seu bebé instantes depois de dar à luz numa das unidades sanitárias da capital moçambicana, desconhecendo-se as causas do crime.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!