Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Tráfico ameaça soberania nacional

O Presidente da República de Moçambique, Armando Emílio Guebuza, exorta as forças moçambicanas de defesa e segurança para a consolidação de um Estado de Direito Democrático, vincando que o país pretende realizar um processo de reconciliação nacional exemplar e colocar os interesses da Nação num pedestral sacrossanto, acima de quaiquer interesses.

Guebuza alertou para o facto do país estar a ser alvo de várias ameaças, relacionadas, sobretudo, com o tráfico de pessoas e drogas, imigrações ilegais e pilhagem dos recursos naturais na terra, no subsolo e no mar.

O Presidente da República fez estes alertas nas cerimónias de encerramento dos cursos de formação das Forças Especiais e de graduação dos oficiais com o grau de licenciatura em Ciências Militares na Academia Militar Marechal Samora Machel.

O Estadista moçambicano sublinhou que no contexto da democracia multipartidária e da supremacia da lei, as forças armadas devem fidelidade à Constituição, à Nação, à Constituição e ao poder civil político legalmente instituído, acrescentando que os nossos militares estimulam o nosso sentido de moçambicanidade, o nosso orgulho de sermos moçambicanos quando, sob égide da SADC, da União Africana e das Nações Unidas, erguem bem alto o estandarte da nossa solidariedade com outros povos do mundo, ajudando-os a reencontrarem-se com a paz e a estabilidade rumo ao seu desenvolvimento.

Ainda, quinta-feira, o Presidente da República procedeu à inauguração do Tribunal Administrativo da Primeira Instância, uma iniciativa que se enquandra nas reformas em curso no sector público no país.

Queremos imprimir maior celeridade ainda aos processos de tomada de decisão, criando assim, as condições necessárias para assegurar maior justiça adminsitrativa e para responder, atempadamente, às petições, queixas e reclamações dos cidadãos. Anotou o Chefe do Estado, na ocasião.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!