Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Sudão garante passagem para seis estudantes moçambicanos

Seis dos 45 estudantes moçambicanos no Sudão serão repatriados, esta Quarta-feira /27), para Maputo, pelo governo de Cartum, depois de um diferendo com a universidade que frequentavam. O grupo disse ter recebido garantias das autoridades sudanesas de que vão pagar a passagem aérea de regresso à capital moçambicana, Maputo.

Um dos estudantes abrangidos pela medida que foi expulso da Universidade Internacional de África no Sudão disse que as autoridades sudanesas atribuíram vistos de saída daquele país. “A nossa previsão é de sairmos, Quarta-feira, de regresso à capital moçambicana, mas os processos não estão sob nossa responsabilidade”, disse o estudante.

Em Abril, 30 dos 45 moçambicanos que estudam na Universidade Internacional de África no Sudão denunciaram as “precárias condições” de vida em que viviam naquele país africano, responsabilizando algumas organizações islâmicas moçambicanas de os terem enviado a Cartum com “objectivos obscuros”.

Parte desses estudantes, que saíram de várias partes de Moçambique para o Sudão, não concordaram com o modelo de contrato firmado com a direcção da Universidade, à qual acusam de não estar a honrar o compromisso de atribuição de bolsas de estudo completas.

Durante as negociações que seguiram-se às queixas dos estudantes, a Universidade obrigou 24 estudantes a redigirem uma carta, negando tudo o que o grupo denunciou à imprensa dos quais seis recusaram a exigência e receberam em contrapartida uma ordem de expulsão da instituição.

“Nós não sabemos como vamos sair de Maputo, para as nossas províncias de origem por falta de dinheiro. Estamos numa situação delicada porque as nossa famílias são pobres e só confiam em nos”, afirmou um dos estudantes.

Os estudantes em causa são oriundos das províncias da Zambézia e Nampula.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!