Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Sizaquel: a deusa do “Ngoma 2010”

Sizaquel: a deusa do “Ngoma 2010”

Depois de conquistar, na edição de 2009, o prémio de “Melhor Voz Feminina”, a compositora e intérprete Sizaquel Matlombe conquistou o “Prémio da Melhor Canção Moçambicana” no Ngoma Moçambique 2010, com o tema “Taka Xai Xinhe”.

Stewart Sukuma, que em 2008 com a canção “Felisminha” levou o prémio “Canção Mais Popular”, este ano repetiu a proeza, mas, desta vez, com a música “Xitsuketa Marrabenta”. O sucesso “Papa Muroga”, de Valdmiro José, valeu ao músico o prémio de “Melhor Voz Masculina”.

Na edição passada, Valdemiro foi o vencedor da “Canção Mais Popular” com o tema “Tá-se Mal”. O conceituado músico moçambicano Gabriel Chiau foi consagrado com o “Prémio Carreira”. Recorde-se que na edição de 2009 esta distinção coube ao líder dos Manjacaziano, Alberto Mhula com mais de 50 anos de carreira.

Com o tema “Despertei”, a jovem Yola foi distinguida “Melhor Voz Feminina”. Michel Chanel e Nandi Macamo venceram os prémios “Artista Revelação” nas categorias de masculino e feminino, respectivamente.

Outras distinções

A primeira-dama, Maria da Luz Guebuza, foi eleita “Figura do Ano 2010”, pelo esforço que tem desencadeado às causas do desenvolvimento e combate à pobreza.

O treinador da Liga Muçulmana, Artur Semedo, foi escolhido “Figura do Desporto” e a coreógrafa e bailarina, Maria Helena Pinto, “Figura da Cultura” para o ano 2010.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!