Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

ADVERTISEMENT

Sem forças para chorar

Procurando verdade

     A ofensiva israelita em Gaza já custou a vida a mais de uma centena de crianças, confirmou a ONG ‘Save The Children’ baseada em fontes hospitalares da zona. A ONG mostrou a sua “indignação” pela perda de vida inocentes, principalmente depois dos recentes ataques a dois refúgios das Nações Unidas para famílias em Gaza, que se viram obrigadas a abandonar as suas casas devido aos bombardeamentos, assegurou Annie Foster, que lidera a ‘Save The Children’ na região.

     De acordo com aquela organização, trata-se de uma “estimativa por baixo” uma vez que não inclui ainda os menores mortos nos bombardeamentos do último domingo contra duas escolas da ONU, em que pereceram 43 pessoas. O director de operações internacionais desta ONG, Ken Caldwell, assinalou que “as crianças continuam a ser as grandes vítimas inocentes deste horrendo conflito. O bombardeamento de refúgios é indigno. Este domingo o número de crianças mortas atingiu a centena e o ataque contra as escolas fez subir seguramente este número.” Segundo Caldwell “as crianças encontram-se numa situação de tremendo ‘stress’, muitas vezes não são capazes de dormir, com algumas delas em tal estado de choque que nem têm forças para chorar”. Entretanto, a organização humanitária alertou também para a gravidade da escassez de artigos de primeira necessidade que faz subir em flecha as doenças e a malnutrição, principalmente nos menores. “A crise humanitária em Gaza piora hora a hora. Milhares de vidas de crianças correm grande perigo. Os líderes mundiais devem pressionar urgentemente para a implementação de um cessar-fogo e um imediato acesso da ajuda humanitária.”

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

error: Content is protected !!