Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Renamo ameaça derramar sangue nos últimos dias da campanha eleitoral

A Renamo na província de Nampula ameaça agir com violência nos próximos dias da campanha eleitoral, devido às alegadas provocações protagonizadas pelos membros do partido Frelimo. De acordo com Arnaldo Chalaua, porta voz daquela formação politica, as provocações traduzem-se, sobretudo, na obstrução de caravanas e destruição de material de propaganda.

Chalaua disse que um dos incidentes mais recentes registou-se na cidade da Ilha de Moçambique, onde alguns militantes da Frelimo se envolveram em agressões à pedrada com membros da Renamo, na própria delegaçação destes, que resultaram em ferimentos graves e ligeiros de parte a parte.

A fonte referiu, ainda, que um elemento do partido da “Perdiz” viu a sua casa vandalizada por um grupo da Frelimo, sob cobertura dos agentes da Força de Intervençao Rápida. E que as acções de perseguição aos elemetos da sua formação política naquela cidade costeira culminaram com a detenção do respectivo delegado e candidato a deputado às assembleias provinciais, José Carmona Nanhécua.

Entretanto, Oliveira Maneque, porta voz da PRM, refuta que haja agentes da corporação instruídos para cometerem atrocidades em defesa de determinados partidos. Afirmou que a sua corporação continuará intransigente contra qualquer acto de perturbação da ordem durante o processo eleitoral. A Felimo, por sua vez, considera tratar-se de uma mera tentativa de justificar a a perspectivada derrota no escrutínio de Outubro próximo.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!