Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

“Vocês são escravos da Frelimo, o Dhlakama tudo que está a fazer é para terminar com a escravatura”

{youtube}BBn4uqS2yaE{/youtube}

O líder do maior partido na oposição em Moçambique apontou, neste sábado(31), o dedo aos filhos dos membros seniores do partido Frelimo, que sem nenhum esforço ou trabalho reconhecido se tornaram empresários de sucesso e enriqueceram defraudando o erário tendo dado como exemplo a filha do antigo Presidente Armando Guebuza que começou a ser empresária aos 20 anos de idade e durante o mandato do seu pai ascendeu à lista das mulheres jovens mais poderosas de África, publicada pela Forbes, “a filha do Guebuza com 33 anos, Valentina, ela é tida como a segunda mais rica do continente africano, meus amigos onde é que apanhou dinheiro essa criança? (…) isto não é humilhação? Não é escravatura isso? Vocês são escravos da Frelimo”.

“…o tempo de brincadeira com a Frelimo está terminado (…) eu não estou a brincar não tenho receio de qualquer aí, o meu receio está em vocês aí. O meu receio, quem pode me meter medo são vocês não é um Frelimo aí. Um Frelimo aí que sobrevive com roubo dos nossos impostos enquanto vocês não conseguem comprar sal (…) mesmo a filha do Guebuza com 33 anos Valentina ela é tida como a segunda mais rica do continente africano, meus amigos onde é que apanhou dinheiro essa criança? (…) isto não é humilhação? Não é escravatura isso? Vocês são escravos da Frelimo. Então o Dhlakama tudo que está a fazer é para terminar com a escravatura contra vocês (…) eu Afonso Dhlakama não sou tribalista, não sou regionalista aliás eles é que são tribalistas, eles é que são regionalistas porque o que fazem lá(Maputo) não fazem para um macua aqui (…) quem está a dividir o país é o Dhlakama ou são eles? Porque é que não estão a igualar a vida da população com vocês, não é dividir o país?”.

 

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!