Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Quinze pessoas detidas por homicídio e posse ilegal de armas no país

Três cidadãos que respondem pelos nomes de Amâncio, João e António, com idades compreendidas entre 31 e 55 anos, estão a ver o sol aos quadradinhos na 8ª esquadra, na cidade de Inhambane, acusados de assassinato e posteriormente se refugiado para República da África do Sul (RSA).

Segundo Polícia da República de Moçambique (PRM) o crime de que eles são acusados foi cometido em Maio deste ano e a sua detenção aconteceu entre 30 de Agosto e 05 de Setembro.

No mesmo período, um indivíduo identificado pelo nome de Azarias Cumbane, de 23 anos de idade, recolheu às celas da 18ª esquadra em Maputo por supostamente ter morto uma cidadã que em vida respondia pelo nome de Matilde.

Na mesma esquadra encontram-se enclausurados quatro cidadãos que respondem pelos nomes de Hermenegildo, Inocêncio, Sérgio e Aruna, com idades que variam de 31 e 41 anos, alegadamente surpreendidos na posse de uma arma de fogo do tipo pistola e duas viaturas roubadas há tempo com recurso a chaves falsas na capital moçambicana.

Na 1ª esquadra em Manica, um cidadão identificado pelo nome de Hermínio está também a ver o sol aos quadradinhos indiciado de posse ilegal de uma arma de fogo de tipo pistola.

A PRM deteve igualmente no Comando Distrital de Moamba três indivíduos que respondem pelos nomes de Luís Tembe, Carlos Fabião e Carlos Luís, por posse de três armas de fogo e 16 munições.

Ainda em Moamba, as autoridades policias enclausuraram três jovens que respondem pelos nomes de Edgar, Leonel e Roque, de 26 a 33 anos de idade, acusados de roubo de duas viaturas.

De acordo com o porta-voz do Comando-Geral da PRM, Pedro Cossa, no período em análise, a Polícia neutralizou 1.550 pessoas por violação da Fronteira de Ressano Garcia, 103 por prática de diversos crimes e 11 por imigração ilegal.

Da RSA, a corporação repatriou 73 cidadãos, sendo 64 homens, sete mulheres e duas crianças.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!