Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Quatro empresas em risco de perder selo Made in Mozambique

Quatro empresas activas na província meridional de Gaza poderão deixar de ostentar, em 2014, o selo Made in Mozambique devido a alegados “problemas de gestão” que contrariam os princípios estabelecidos para o reconhecimento da qualidade e boas práticas de produção de produtos para consumo interno e exportação.

As firmas envolvidas são do ramo do Agronegócio, segundo Ernesto Mafumo, director da Unidade Técnica para a Promoção dos Produtos Nacionais no Ministério da Indústria e Comércio (MIC), falando ao Correio da manhã, sem especificar os nomes e as irregularidadas detectadas.

Caso as anomalias não sejam corrigidas, as empresas visadas vão ser “obrigadas a deixar de ostentar o selo Made in Mozambique em 2014”, avisa Mafumo, acrescentando que a instituição que lidera está decidida a tomar “medidas severas” contra empresas que ostentam o selo sem cumprir cabalmente com as normas estabelecidas para o efeito.

Refira-se que o selo Made in Mozambique foi introduzido, em 2006, no âmbito da campanha de promoção da produção, comercialização, consumo e exportação de bens e serviços moçambicanos.

São elegíveis para o selo empresas nacionais e estrangeiras activas em Moçambique que cumpram obrigações fiscais, seguro social e que tenham um quadro laboral aceitável e produzam produtos de qualidade.

Desde o arranque da campanha, que decorre sob o lema Produza, Consuma e Exporta moçambicano, cerca de 300 empresas já foram certificadas com o selo Made in Mozambique, de acordo ainda com Ernesto Mafumo, realçando que parte das firmas exporta os seus produtos para África e para o resto do mundo.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!