Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Protecção de florestas moçambicanas custa USD40 milhões/ano

Cerca de 40 milhões de dólares norte-americanos são gastos pelo Estado moçambicano por ano no desenvolvimento de acções de fiscalização da sua floresta contra a exploração ilegal deste recurso.

O valor é gasto nos programas de construção, reabilitação e apetrechamento de postos de fiscalização nas zonas mais atingidas pela acção devastadora de operadores ilegais nacionais e estrangeiros, segundo Gonçalves Pelembe, técnico florestal do Fundo de Desenvolvimento Agrário (FDA), instituição adstrita ao Ministério da Agricultura.

O montante é ainda utilizado nos trabalhos de reflorestamento e para minimizar casos de conflito Homem/ fauna bravia, de acordo ainda com Pelembe, apontando o fortalecimento dos mercados de insumos e de produtos florestais para o apoio à produção agrária como uma das acções desenvolvidas pela sua instituição.

A promoção do acesso aos serviços providos por instituições financeiras, empresas e associações e ainda a mobilização de recursos financeiros e materiais para o apoio a produtores do sector familiar são outras actividades apoiadas por aquela instituição estatal.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!