Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Produção de castanha deverá atingir 120 mil toneladas até 2015

A produção nacional de castanha de caju deverá aumentar das cerca de 96 mil toneladas registadas na campanha de 2009 para cerca de 120 mil toneladas ate 2015. Segundo o director nacional adjunto do Instituto Nacional do Caju (INCAJU), Raimundo Matule, durante o mesmo período o processamento deverá passar das actuais 35 mil toneladas para 60 mil.

 

 

Matule avançou esta informação, terça-feira, no lançamento do V Fórum do sector a ter lugar nos dias 11 e 12 de Novembro corrente, em Maputo. As projecções optimistas, segundo Matule citado pelo diário “O País”, resultam da continuação do ritmo de crescimento produtivo alcançado entre 2006 e 2009, fruto dos investimentos do Governo para revitalizar o sector. “O Governo investiu cerca de 50 milhões de dólares, nos últimos cinco anos, para melhorar o desempenho do sector do caju, incluindo a instalação das 18 fábricas a operar em todo o país”, disse Matule.

Um documento do INCAJU mostra que o sub-sector do caju cresceu, em termos globais, 5,8% no período 2006/09, como consequência do crescimento da produção e distribuição de mudas em 12,5%.

Nesse período, a comercialização cresceu em cerca de 11 por cento e o processamento em cerca de quatro por cento. As exportações globais aumentaram numa média anual de 6,2 por cento em resultado de um crescimento de sete por cento na exportação da castanha em bruto e 5,4 por cento na exportação da castanha processada (amêndoa).

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!