Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Produção de Arroz cresceu 37 por cento

A produção de arroz em Moçambique, na última campanha agrícola (2008/2009), cresceu em perto de 37 por cento, em relação a colheita registada na safra anterior (2007/2008), ao passar de 190 mil para 260 mil toneladas. Apesar deste crescimento, a produção ainda está um pouco abaixo do total de 539 mil toneladas consumidas anualmente em todo o país.

Falando ultima Quarta-feira, em Mocuba, na província central da Zambézia, na abertura do Terceiro Conselho Coordenador do Ministério da Agricultura, o titular deste pelouro, Soares Nhaca, disse que este crescimento resulta de um grande investimento realizado pelo Governo no sentido de reduzir as importações deste cereal. Citado pelo “Noticias”, Nhaca disse que os investimentos serviram para a aquisição de sementes de qualidade, maquinaria e disponibilização de diversos incentivos para os produtores de arroz, nas províncias da Zambézia e Sofala (Centro no país), Gaza (Sul) e Nampula (Norte).

A última campanha agrícola foi a primeira a ser realizada após a aprovação do Plano Nacional de Produção de alimentos que, de entre vários objectivos, preconiza eliminar as importações de arroz e reduzir, até a metade, as de trigo, até 2011. O Governo realizou investimentos em vários milhões de dólares, mas em Gaza, por exemplo, particularmente no distrito do Chókwè, a colheita foi ensombrada pela falta de autocombinadas. A falta destas máquinas em número suficiente (só existiam oito das cerca de 20 necessárias), aliada a também inexistência de meios aéreos para o combate aos pardais, entre outros factores, levou a que os produtores perdessem parte da sua produção.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!