Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Procurador é compulsivamente reformado por abuso de bebidas alcoólicas

O Procurador Distrital de Tambara, Januário Jorge, foi sancionado com reforma compulsiva, indiciado pela Magistratura do Conselho Superior do Ministério Público, de faltar sistematicamente ao serviço, de ter má articulação com a Polícia da República de Moçambique (PRM) naquele distrito e de consumir, excessivamente, bebidas alcoólicas.

Segundo escreve o jornal Notícias, a decisão surge na sequência de um processo disciplinar movido contra aquele magistrado, pelo Conselho Superior da Magistratura do Ministério Público, ouvido o distrito e outras instâncias da instituição a nível da província de Manica.

Por causa deste seu comportamento, de acordo com o procurador-chefe provincial de Manica, Agostinho Serôdio Rututo, a procuradoria naquele distrito funcionava deficientemente e haviam queixas, tanto das autoridades distritais, como da sociedade local, sobre a má conduta do magistrado que em nada contribuía para a almejada celeridade processual.

Para a cessação das referidas funções e a subsequente reforma compulsiva, o procurador provincial-chefe de Manica esteve naquele distrito, no prosseguimento das visitas que efectuou aos quatro distritos da região norte da província, nomeadamente Tambara, Guro, Macossa e Báruè.

Nestes distritos, segundo constatou Agostinho Rututo, as instituições das representações do Ministério Público estão a funcionar a contento, pese embora prevaleçam dificuldades no tocante à falta de actividades expressivas de prevenção da criminalidade, as queimadas descontroladas, a hibernação de processos criminais, casamentos prematuros e violação de crianças.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!