Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

PRM reunido em XVII conselho provincial

O Comando da Polícia da República de Moçambique (PRM), ao nível da província de Nampula, está, desde segunda-feira, reunido em XVII Conselho Provincial, alargado aos comandantes distritais, chefes dos departamentos e outros quadros da corporação, para, entre vários temas, discutir questões relacionadas com a manutenção da ordem, segurança e tranquilidade públicas.

A reunião, que decorre sob lema “PRM contribuindo para promoção do desenvolvimento económico e social”, visa, ainda perspectivar acções para 2011, debater a problemática de estrangeiros em Nampula, debruçar-se sobre aspectos relacionados com menores, situação operativa da corporação no período entre Janeiro a Setembro de 2010, bem como acerca do estágio actual da instrução de processos criminais e prestação de contas.

Arsénia Massingue, comandante provincial da PRM, disse ao Wamphula Fax que uma das grandes preocupações que apoquenta a sua corporação relaciona-se com a entrada massiva e frequente de estrangeiros, a título de requerentes de asilo no Centro de Acolhimento de Maratane.

Massingue refere, entretanto, que o assunto está a ser objecto do devido tratamento por parte dos órgãos competentes com vista ao seu urgente estancamento.

Por seu turno, António Máquina, Secretário Permanente provincial de Nampula, que presidiu a abertura do encontro, que hoje termina, defendeu, no seu discurso, que não se pode falar do desenvolvimento económico enquanto os níveis de segurança e traquilidade públicas estiverem minados.

Consequentemente, apelou para um maior envolvimento individual e colectivo dos membros da corporação no combate contra a criminalidade Por último, António Máquina manifestou-se convicto de que o XVII Conselho Provincial da PRM irá, de certo modo, contribuir para a concretização dos objectivos da agenda do governo 2010/2014 em relação ao desempenho da corporação no combate sem tréguas contra a onda de criminalidade.

Ainda no quadro da tarefa de garantir a manutenção da ordem e segurança públicas, o encontro vai debruçar-se, hoje, acerca de temas relacionados com a interacção entre a polícia e a comunidade, desafios e melhorias do plano de acção, emissão de Passaportes e Bilhetes de Identidade Biométricos e a problemática da sinistralidade rodoviária.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!