Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

PRM prende indivíduos que violaram e mataram uma menor e uma anciã em Nampula

A Polícia da República de Moçambique em Nampula acaba de neutralizar um grupo de indivíduos que, em dois episódios separados, violaram e mataram uma adolescente e uma anciã.

 

 

Passavam poucos dias das comemorações do Sete de Abril, quando os moradores do bairro de Muatala, arredores da cidade de Nampula, acordaram com a notícia de que uma adolescente, de apenas treze anos, jazia morta e abandonada algures naquele bairro, enquanto noutro ponto do mesmo bairro uma anciã de sessenta e nove anos tinha sido encontrada morta em sua casa.

Em conexão com o crime de violação sexual da adolescente, estão detidos dois jovens estudantes de dezassete e vinte anos, enquanto pela morte da anciã responde um indivíduo de quarenta e um anos.

Segundo a PRM em Nampula, a menor regressava da escola, quando foi abordada por um grupo de jovens que a convidou a entrar numa barraca onde a terão forçado a consumir álcool e a fumar droga, tendo posteriormente ocorrido os actos que levaram à sua morte.

O relatório médico que a Rádio Moçambique em Nampula teve acesso, aponta como causas da morte da adolescente, Edema pulmonar grave, envenenamento e injecção de substâncias tóxicas.

O porta-voz da PRM em Nampula, Inácio João Dina, disse que um dos envolvidos na morte da rapariga é um reincidente em matéria de violações sexuais, dono de uma ficha criminal com três passagens pela primeira esquadra da PRM naquele cidade, pelo mesmo motivo.

Em relação a anciã, esta terá morrido depois de ter estado no quarto com um suposto amante, depois de terem ingerido bebida alcoólica de fabrico caseiro.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!