Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Premier League: United bate Arsenal e retoma a liderança

O Manchester United retomou a liderança do Campeonato Inglês esta segunda-feira ao derrotar o Arsenal por 1 a 0, no Old Trafford, em Manchester, no clássico da 17ª jornada da competição. Graças a um golo salvador do sul-coreano Park Ji-Sung, a equipe de Alex Ferguson chegou aos 34 pontos, dois à frente do Arsenal e do Manchester City, voltando a ocupar a primeira colocação.

Único time ainda invicto na Premier League, o United não começou bem na partida, abusando dos erros de passe e criando poucas oportunidades de golo. Aos 22 minutos, o português Nani levou perigo à defesa adversária ao aproveitar um ressalto do defesa do Arsenal Squilacci e chutar em rotação, muito perto da trave do guarda-redes Szczesny.

Finalmente aos 40 minutos, o único golo do jogo: Rooney ajeitou de cabeça para Nani, o português deixou Clichy para trás, invadiu a área e cruzou. A bola tocou na cabeça do defesa Koscielny e sobrou para o sul-coreano Park, que deixou o Manchester United em vantagem.

O Manchester United encontrou-se em campo na segunda etapa e levou constante pressão à área do Arsenal, perdendo uma boa oportunidade de ampliar o placar quando Rooney desperdiçou uma cobrança de pênalti. O inglês bateu com muita força e mandou a bola por cima da baliza de Szczesny. Os anfitriões quase pagaram caro pela chance perdida: aos 49 minutos, o atacante Walcott recebeu a bola dentro da área e chutou de primeira por cima da baliza de Van der Sar.

A vitória no importante confronto eleva a confiança do time de Alex Ferguson para o clássico da próxima jornada, contra o Chelsea, domingo, no Stamford Bridge. Já o Arsenal tentará se recuperar em casa, no sábado, diante do Stoke City.

O Tottenham recebeu o Chelsea este domingo e empatou a um golo. A partida foi marcada pelo retorno do médio Frank Lampard aos relvados, o inglês, que não jogava desde agosto, entrou no fim do segundo tempo para ganhar ritmo de jogo. O Tottenham abriu o placar aos 14 da primeira etapa: Jermain Defoe deu ótimo passe para Roman Pavlyuchenko. O russo livrou-se de três defensores para acertar um potente remate.

Carlo Ancelotti, técnico do Chelsea, colocou Didier Drogba no regresso do intervalo. A mudança fez diferença. Aos 24 minutos o artilheiro marcou seu oitavo golo na competição. Nos acréscimos, aos 46 minutos, o guarda-redes Gomes falhou e fez pênalti em Ramires. Drogba partiu para a cobrança, no que seria sua consagração. No entanto, o brasileiro fez bela defesa e evitou o desastre.

Confira os jogos da 17ª jornada do Campeonato Inglês:

Aston Villa 2 x 1 West Bromwich

Everton 0 x 0 Wigan

Fulham 0 x 0 Sunderland

Stoke City 0 x 1 Blackpool

West Ham 1 x 3 Manchester City

Newcastle 3 x 1 Liverpool

Bolton 2 x 1 Blackburn

Wolverhampton 1 x 0 Birmingham

Tottenham 1 x Chelsea 1

Manchester United 1 x Arsenal 0

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!