Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Premier League: Tottenham continua a subir, City continua a liderar

O Tottenham continua com a sua campanha sólida no Campeonato Inglês. Em Londres, este domingo, a equipe foi até o estádio Craven Cottage enfrentar o rival Fulham e venceu por 3 a 1. Os golos de Gareth Bale, Aaron Lennon e Jermaine Defoe colocaram os Spurs na quinta colocação do Campeonato Inglês. ainda com um jogo a menos que adversários como o Chelsea, que tem o mesmo número de pontos. O Manchester City mostrou poder de reação e confirmou o seu favoritismo ao título do Campeonato Inglês ao vencer este sábado o perigoso Queens Park Rangers fora de casa e de virada.

O defesa Kaboul marcou na própria baliza o tento de honra dos donos da casa. Aos dez minutos, Adebayor abriu a jogada para o lateral Walker, na direita. A bola chegou em Lennon que cruzou para o outro lado da área. Bale apareceu para concluir. A bola ainda bateu no defesa Chris Baird. No fim do primeiro tempo, a dobradinha Lennon e Bale funcionou novamente. Após tabela, o inglês bateu de canhota para fazer o segundo dos Spurs. Na cobrança de um pontapé de canto, no começo da etapa final, King tentou cortar, a bola ficou entre o defesa norueguês Hangeland e Kaboul, e acabou vencendo Friedel.

O Fulham pressionou bastante os adversários para buscar o gol de empate, mas perdeu muitas oportunidades e esbarrou no veterano guarda-redes norte-americano. No último lance da partida, Defoe aproveitou cruzamento de Adebayor e bateu de primeira, definindo o placar.

Mais cedo, o Bolton conquistou apenas a sua terceira vitória na Premier League, mas com estilo, goleando o Stoke City por 5 a 0. Os destaques foram Klasnic e Eagles com dois golos cada. Em casa, o Wolverhampton bateu o lanterna Wigan por 3 a 1 e escapou das últimas colocações.

City vence com dificuldades

Em Londres, a equipa do técnico Roberto Mancini começou a perder, sofreu o empate em 2 a 2, mas não se intimidou e confirmou o triunfo em 3 a 2 graças a um golo de Yaya Touré. Esta foi a nona vitória dos Cititzens em dez jornadas, a sexta seguida, que o fez manter a vantagem de cinco pontos para o segundo colocado da Premier League, o rival Manchester United.

Na partida em Londres, o atacante Jay Bothroyd abriu o placar para o QPR, que ocupa a 12ª colocação da tabela. No fim do primeiro tempo, o bósnio Edin Dzeko marcou um golaço, costurando a defesa rival com o pé direito. Ele já fez dez tentos na competição e é o vice-artilheiro, com um a menos que o holandês Robin Van Persie, do Arsenal. O City virou em mais um belo golo, desta vez de David Silva, mas sofreu o empate com Helguson. Por fim, Yaya Touré aproveitou cruzamento de Kolarov e definiu o placar em cabeçada potente.

United faz festa para Ferguson

No dia em que completava 25 anos como treinador do Manchester United, o treinador Alex Ferguson ganhou um belo presente com a vitória da sua equipa por 1 a 0 sobre o Sunderland, em Old Trafford. O treinador recebeu uma placa antes do jogo pelo quarto de século à frente dos Red Devils, mas, com a bola rolando, viu seus comandados encontrarem dificuldades para marcar.

Aos olhos de ex-jogadores como Paul Scholes, Gary Neville e Ole Gunnar Solskjaer, autor do golo do primeiro título europeu do escocês, em 1999, a primeira chance clara ocorreu apenas aos 42 minutos, quando Phil Jones pegou um rebote e bateu de primeira, raspando o travessão. Nos últimos instantes da etapa inicial, Nani bateu cruzado da ponta direita, com muita força, e Westwood espalmou para canto. Na cobrança, Welbeck subiu junto com Wes Brown e o defesa do Sunderland tocou de cabeça para suas próprias redes.

No segundo tempo, o United quase ampliou com Evra, mas Westwood se esticou e fez linda defesa. E foi só.

Arsenal e Chelsea vencem

Em recuperação, o Arsenal chegou à quarta vitória seguida, ao vencer o West Bromwich por 3 a 0. O holandês Robin van Persie, em esplêndida fase, marcou o primeiro e chegou a 11 golos na temporada, isolando-se na artilharia da Premier League. Vermaelen ampliou e Arteta fechou o placar. A equipe ocupa agora sétima colocação da tabela, com 19 pontos.

Mais apertado, o Chelsea também ganhou e recuperou-se da derrota por 5 a 3 no fim de semana passado para os Gunners. Um tento solitário de Frank Lampard, aos seis minutos do primeiro tempo, garantiu os três pontos dos Blues que o mantiveram na quarta colocação, com 22 pontos.

Por outro lado, mesmo em casa, o Liverpool não conseguiu sair do 0 a 0 com o caçula Swansea e segue em campanha irregular no Inglês. Em Birmingham, o Aston Villa bateu o Norwich por 3 a 2.

Já o Newcastle manteve o embalo. Na abertura da 11ª rodada, a equipe bateu, em casa, o Everton, por 2 a 1. O resultado manteve a invencibilidade da equipe neste início de Premier League – são sete vitórias e quatro empates – e surpreendentes 25 pontos até agora. Para conseguir o terceiro triunfo consecutivo, o Newcastle teve seus gols marcados por Heitinga, contra, e Ryan Taylor. Pelos visitantes, que chegou ao segundo revés seguido, Rodwell marcou. Os três tentos aconteceram ainda na primeira etapa.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!