Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Premier League: Tottenham continua a subir, City continua a liderar

O Tottenham continua com a sua campanha sólida no Campeonato Inglês. Em Londres, este domingo, a equipe foi até o estádio Craven Cottage enfrentar o rival Fulham e venceu por 3 a 1. Os golos de Gareth Bale, Aaron Lennon e Jermaine Defoe colocaram os Spurs na quinta colocação do Campeonato Inglês. ainda com um jogo a menos que adversários como o Chelsea, que tem o mesmo número de pontos. O Manchester City mostrou poder de reação e confirmou o seu favoritismo ao título do Campeonato Inglês ao vencer este sábado o perigoso Queens Park Rangers fora de casa e de virada.

O defesa Kaboul marcou na própria baliza o tento de honra dos donos da casa. Aos dez minutos, Adebayor abriu a jogada para o lateral Walker, na direita. A bola chegou em Lennon que cruzou para o outro lado da área. Bale apareceu para concluir. A bola ainda bateu no defesa Chris Baird. No fim do primeiro tempo, a dobradinha Lennon e Bale funcionou novamente. Após tabela, o inglês bateu de canhota para fazer o segundo dos Spurs. Na cobrança de um pontapé de canto, no começo da etapa final, King tentou cortar, a bola ficou entre o defesa norueguês Hangeland e Kaboul, e acabou vencendo Friedel.

O Fulham pressionou bastante os adversários para buscar o gol de empate, mas perdeu muitas oportunidades e esbarrou no veterano guarda-redes norte-americano. No último lance da partida, Defoe aproveitou cruzamento de Adebayor e bateu de primeira, definindo o placar.

Mais cedo, o Bolton conquistou apenas a sua terceira vitória na Premier League, mas com estilo, goleando o Stoke City por 5 a 0. Os destaques foram Klasnic e Eagles com dois golos cada. Em casa, o Wolverhampton bateu o lanterna Wigan por 3 a 1 e escapou das últimas colocações.

City vence com dificuldades

Em Londres, a equipa do técnico Roberto Mancini começou a perder, sofreu o empate em 2 a 2, mas não se intimidou e confirmou o triunfo em 3 a 2 graças a um golo de Yaya Touré. Esta foi a nona vitória dos Cititzens em dez jornadas, a sexta seguida, que o fez manter a vantagem de cinco pontos para o segundo colocado da Premier League, o rival Manchester United.

Na partida em Londres, o atacante Jay Bothroyd abriu o placar para o QPR, que ocupa a 12ª colocação da tabela. No fim do primeiro tempo, o bósnio Edin Dzeko marcou um golaço, costurando a defesa rival com o pé direito. Ele já fez dez tentos na competição e é o vice-artilheiro, com um a menos que o holandês Robin Van Persie, do Arsenal. O City virou em mais um belo golo, desta vez de David Silva, mas sofreu o empate com Helguson. Por fim, Yaya Touré aproveitou cruzamento de Kolarov e definiu o placar em cabeçada potente.

United faz festa para Ferguson

No dia em que completava 25 anos como treinador do Manchester United, o treinador Alex Ferguson ganhou um belo presente com a vitória da sua equipa por 1 a 0 sobre o Sunderland, em Old Trafford. O treinador recebeu uma placa antes do jogo pelo quarto de século à frente dos Red Devils, mas, com a bola rolando, viu seus comandados encontrarem dificuldades para marcar.

Aos olhos de ex-jogadores como Paul Scholes, Gary Neville e Ole Gunnar Solskjaer, autor do golo do primeiro título europeu do escocês, em 1999, a primeira chance clara ocorreu apenas aos 42 minutos, quando Phil Jones pegou um rebote e bateu de primeira, raspando o travessão. Nos últimos instantes da etapa inicial, Nani bateu cruzado da ponta direita, com muita força, e Westwood espalmou para canto. Na cobrança, Welbeck subiu junto com Wes Brown e o defesa do Sunderland tocou de cabeça para suas próprias redes.

No segundo tempo, o United quase ampliou com Evra, mas Westwood se esticou e fez linda defesa. E foi só.

Arsenal e Chelsea vencem

Em recuperação, o Arsenal chegou à quarta vitória seguida, ao vencer o West Bromwich por 3 a 0. O holandês Robin van Persie, em esplêndida fase, marcou o primeiro e chegou a 11 golos na temporada, isolando-se na artilharia da Premier League. Vermaelen ampliou e Arteta fechou o placar. A equipe ocupa agora sétima colocação da tabela, com 19 pontos.

Mais apertado, o Chelsea também ganhou e recuperou-se da derrota por 5 a 3 no fim de semana passado para os Gunners. Um tento solitário de Frank Lampard, aos seis minutos do primeiro tempo, garantiu os três pontos dos Blues que o mantiveram na quarta colocação, com 22 pontos.

Por outro lado, mesmo em casa, o Liverpool não conseguiu sair do 0 a 0 com o caçula Swansea e segue em campanha irregular no Inglês. Em Birmingham, o Aston Villa bateu o Norwich por 3 a 2.

Já o Newcastle manteve o embalo. Na abertura da 11ª rodada, a equipe bateu, em casa, o Everton, por 2 a 1. O resultado manteve a invencibilidade da equipe neste início de Premier League – são sete vitórias e quatro empates – e surpreendentes 25 pontos até agora. Para conseguir o terceiro triunfo consecutivo, o Newcastle teve seus gols marcados por Heitinga, contra, e Ryan Taylor. Pelos visitantes, que chegou ao segundo revés seguido, Rodwell marcou. Os três tentos aconteceram ainda na primeira etapa.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!