Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Portugal manterá estatuto de “maior” expositor na FACIM

Com um número não especificado de empresas, Portugal será, uma vez mais, o país com estatuto de maior expositor estrangeiro da 47ª edição da Feira Internacional do Maputo (FACIM).

O certame deste ano decorrerá, pela primeira vez, fora do centro da capital moçambicana, Maputo, mais precisamente na zona de Ricatla, distrito de Marracuene, província do Maputo.

Sem avançar dados numéricos exactos, João Macaringue, Presidente do Conselho de Administração (PCA) do Instituto para Promoção das Exportações (IPEX), limitou-se apenas a dizer que a antiga potência colonial de Moçambique “terá um maior espaço e número de empresas, no conjunto de 17 países a estarem presentes na edição”.

Em termos do número total de empresas estrangeiras, Macaringue disse que estarão presentes cerca de 600 firmas representando áreas de agricultura, telecomunicações e da indústrial têxtil, que se vêm juntar a pouco mais de mil empresas moçambicanas.

“O número de expositores é de tal ordem muito superior nesta edição que tivemos de pôr na lista de espera outras cerca de 30, entre empresas moçambicanas e estrangeiras”, indicou o PCA do IPEX, falando no novo recinto da FACIM, em Marracuene.

Macaringue garantiu, entretanto, que as obras de construção da feira estarão concluídas antes do dia do arranque do evento, 29 de Agosto.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!