Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Polícia moçambicana aperta cerco contra burlões

A Polícia moçambicana (PRM) deteve, na semana passada, em Maputo, um indivíduo que tencionava adquirir bens num estabelecimento comercial com recurso a um cheque falso de 400 mil meticais, cerca de 15 mil dólares americanos.

O porta-voz do Comando-geral da PRM, Raúl Freia, disse que o indivíduo em causa, identificado apenas pelo nome de Sitoe, tencionava adquirir electrodomésticos numa loja localizada na baixa da cidade de Maputo, a capital do país, onde se detectou a falsidade do cheque. “Este indivíduo, de 56 anos de idade, encontra-se detido. Ele revelou dois nomes de pessoas que o terão permitido usar o cheque”, disse Freia, anotando que a Polícia está ainda a investigar o caso e o paradeiro dos dois outros suspeitos.

A PRM diz ser frequente, nos últimos tempos, a ocorrência de crimes de burla e roubo através de esquemas relacionados com o banco. Além de uso de cheques falsos, a outra táctica usada pelos malfeitores é de ligar para um determinado número de celular e obrigar o proprietário do número a fazer uma transferência bancária, alegadamente sob o risco de ver a sua conta bloqueada. “Eles alegam ser funcionários do banco e ligam para a pessoa dizendo que a sua conta pode ser bloqueada caso não faça uma transferência naquele momento e a pessoa não tem como se dirigir ao banco pessoalmente porque é fim-de-semana ou porque é fora da hora normal de expediente”, explicou Freia.

Segundo a Polícia, esse tipo de casos é frequente na capital moçambicana e na cidade da Beira, a segunda maior do país. Para ultrapassar estes problemas, a PRM apela a vigilância da população e colaboração dos estabelecimentos comerciais na denúncia de qualquer caso de suspeita.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!