Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Homens armados matam 8 militares na Tunísia a e tensão política agrava-se

Homens armados mataram pelo menos oito soldados tunisinos, Segunda-feira (29), no maior ataque em várias décadas às forças de segurança do país, onde cresce a tensão política entre os partidários e oponentes do governo islâmico.

O presidente Moncef Marzouki qualificou de “ataque terrorista” a emboscada ocorria no monte Chaambi, perto da fronteira com a Argélia. Os militares tunisianos tentam desde o final de 2012 localizar militantes islâmicos na remota região.

A TV local interrompeu a sua programação para mostrar fotos dos militares mortos e de colegas feridos, transmitindo versículos corânicos e hinos patrióticos. Marzouki decretou três dias de luto nacional.

O país vive uma das piores crises políticas desde que uma rebelião popular derrubou o líder autocrático Zine al-Abidine Ben Ali, em Janeiro de 2011.

Os partidários e opositores do governo islâmico moderado enfrentaram-se, Segunda-feira, na principal praça de Túnis, que foi interditada por militares.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!