Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Perto de sete dezenas de pessoas morreram este Janeiro vítimas de acidentes de viação

As mortes por acidentes de viação aumentaram de 46 para 68, entre a primeira e terceira semana de Janeiro, nas estradas moçambicanas. O número de feridos graves e ligeiros também disparou de 154 para 212.

Na primeira semana deste mês foram registados 22 óbitos e, na segunda semana, 24. De 13 a 19 de Janeiro prestes a findar, de novo 22 pessoas perderam a vida vítimas de 28 sinistros rodoviários.

A tragédia resultou do excesso de velocidade, com 21 casos, da má travessia de peões 04), da condução em estado de embriaguez (01), da ultrapassagem irregular (01) e do cruzamento irregular (01), indica um comunicado de imprensa do Comando-Geral da Polícia da República de Moçambique (PRM).

Os atropelamentos continuam em alta, tendo atingido a fasquia de 15 casos no período em analise, do total de acidentes em alusão. Em igual período do ano passado, os carros mataram 13 cidadãos e causaram ferimentos em outros 31, o que significa que houve um aumento de 11 óbitos.

Segundo o Comando-Geral da PRM, na tentativa de mitigar a sinistralidade rodoviária, foram fiscalizadas 37.002 viaturas.

Destas 3.256 autuados por violação das regras de trânsito, 413 cartas apreendidas por condução sob o efeito de álcool e 11 indivíduos detidos por se fazerem ao volante sem habilitações para o efeito.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!