Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pergunte a Tina… qual é o problema se quando usas o preservativo tens fraca erecção

Pergunte a Tina... sobre as vantagens e desvantagens da gravidez fora do útero

Bom dia. Sou Lauro, de Maputo, e tenho 25 anos. Eu tenho uma pequena inquietação em relação à minha saúde sexual. É o seguinte: tentei por várias vezes fazer sexo usando o preservativo mas tenho muita dificuldade. Apesar de estar bem excitado, quando ponho o preservativo, a erecção vai abaixo. Mas se o tiro, fica tudo normal. Qual seria o problema? Quando não o uso posso até fazer quantas vezes for necessário.

Caro Lauro. A razão por que comecei a coluna com o assunto dos mitos é porque várias vezes os mitos têm uma influência muito forte sobre o nosso psíquico. Se nós acreditamos que o gato preto é feiticeiro, podemos passar a noite em claro e procurar um curandeiro por termos visto um gato preto no nosso quintal. Muitos de nós acreditam mesmo que o preservativo provoca uma redução da sensibilidade e do prazer.

Quando acreditamos nisso bloqueamos inconscientemente a nossa capacidade de assimilá-lo quando está no nosso corpo, tanto no pénis do homem como na vagina da mulher. Mas o preservativo é produzido com um tipo de material que permite que o homem, assim como a mulher mantenham a sensibilidade do toque. Há pessoas que optam por usá-lo de forma mais erótica, brincando com o preservativo e com os órgãos geniais.

Muitos homens obtêm uma erecção mais rígida; por exemplo, quando colocam o preservativo até a base do pénis porque têm a sensação de ele estar “apertadinho”. Também, quando usado de forma consistente, correta e adequada, ele permite maior protecção contra as infecções de transmissão sexual e a gravidez indesejada. É uma questão de responsabilidade individual por si e pela pessoa com quem se faz sexo. Pense nisso e seja mais audaz na forma como usa o preservativo. Cuide-se.

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!