Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Pergunta à Tina…Posso fazer com ela durante a amamentação?

Olá Tina, sou um anónimo de 24 anos. Eu sempre amei demais a masturbação, que até chegou a causar-me dores no interior do ânus e na púbis. Fiz consultas em vão. Será que esgotei as vitaminas? E daí? Tomar comprimidos de zinco? Ajude-me a estar à altura de satisfazer a minha princesa, por favor.

Olá meu querido! Hei, pelos vistos estás mesmo aflito com isto! Mas primeiro, é melhor percebermos o que é a masturbação. Diz-se que é um acto sexual individual, que não obriga mais ninguém a envolver-se senão a própria pessoa e é também a primeira forma de experiencia sexual que a maioria das pessoas tem.

Para os adolescentes, a masturbação é muito frequente pois durante a puberdade o jovem ainda está a aprender a controlar o seu desejo sexual, que muitas vezes “chega em hora imprópria”, isto é, a excitação sexual aparece de forma descontrolada! Entretanto, a masturbação por si só não é uma doença. Ela torna-se um problema social ou emocional, quando nos encontramos em situações como a que explicas, em que não conseguimos fazer sexo com outra pessoa!

Aí é realmente necessário pedir ajuda de uma pessoa experiente, ou até de um psicólogo para percebermos as razões que causam a repulsa ou apatia sexual com relação a outro.

Também sugiro que fiques mais atento ao que causa vontade de te masturbares, e como é que passas o tempo com a tua namorada/teu namorado, isto é, o que fazem quando estão juntos – conversa, tocam-se, acarinham-se, seduzem-se ou tu ficas com tanto medo de não sentir desejo que simplesmente te acanhas?

Eu não sei nada sobre os comprimidos de zinco, sei apenas que o desejo sexual é altamente influenciado pela nossa saúde emocional. Por isso, conversa com a tua namorada, com outras pessoas que sabem do assunto e verás que vai ser fácil reverter a situação. Mas nunca te esqueças disto: usa sempre o preservativo.

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!