Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Onze moçambicanos detidos por tráfico de drogas e estupro

Cinco indivíduos identificados pelos nomes de Hermínio, Joaquim, Armando, Rick e Cipriano, com idades compreendidas entre 26 e 29 anos, encontram-se detidos, desde a semana passada, em diferentes subunidades policiais na cidade de Maputo e províncias de Gaza, Manica e Nampula, acusados de tráfico de drogas.

A Polícia da República de Moçambique (PRM) não descreve como é que o crime aconteceu, mas indica que na posse dos visados foram apreendidos 52 quilogramas de cannabis sativa, vulgo suruma, e uma quantidade não especificada de heroína.

No Posto Policial de Matutuine, província de Maputo, encontram-se enclausurados quatro indivíduos que respondem pelos nomes de Justino, Agostinho, Armando e Samuel, com idades compreendidas entre 26 e 41 anos, surpreendidos na posse de uma arma de fogo de fabrico caseiro, de calibre 12. Sobre este caso, as autoridades não forneceram detalhes.

Ainda na mesma semana, a corporação deteve na 16a esquadra, sita no bairro 25 Junho, em Maputo, dois cidadãos, nomeadamente Miguel e Cristiano, de 22 e 43 anos de idade, acusados de violar uma menor de seis anos e uma mulher, cuja idade não foi revelada pelas autoridades, que residiam naquela zona e em Khongolote, respectivamente.

Enquanto isso, a Polícia deteve 1.622 supostos violadores de fronteira, dos quais 914 moçambicanos, 368 malawianos, 220 tanzanianos, 108 zimbabwea- nos e 12 zambianos. Da África do Sul foram repatriados 56 moçambicanos, sendo 51 homens, quatro mulheres e um menor, por imigração ilegal.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!