Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

ONU afirma que Sudão do Sul viola soberania a sudanesa

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, disse, esta Quinta-feira, que o Sudão do Sul cometeu um “acto ilegal” ao capturar um campo petrolífero disputado com o Sudão e pediu aos dois países que para evitarem que os confrontos na fronteira levem a uma guerra.

O Sudão do Sul ficou independente do Sudão em Julho passado, e os dois países ainda têm diversas pendências a acertar, inclusive quanto à posse de alguns campos petrolíferos.

Semana passada, as tropas sul-sudanesas ocuparam o campo petrolífero de Heglig. A reacção de Cartum ao incidente gerou temores de que duas nações africanas voltem a enfrentar-se em guerra declarada, o que não ocorre desde o conflito entre Etiópia e a então recém-independente Eritreia, entre 1998 e 2000.

“Peço ao Sudão do Sul para retirar as forças imediatamente de Helig. Trata-se duma infracção à soberania do Sudão, e um acto claramente ilegal”, disse Ban aos jornalistas.

“Peço também ao governo do Sudão para parar imediatamente de bombardear o território sul-sudanês e para retirar as suas forças dos territórios disputados. Tenho imprimido a ambas as partes a necessidade de acabar com os combates e retornar às negociações. Eles ainda não atenderam ao apelo.”

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Related Posts

error: Content is protected !!