Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Obras de instalação do metro no Grande Maputo arrancam em Dezembro deste ano

A instalação do sistema de caminho-de-ferro de superfície para o transporte passageiros, vulgo metro, para as cidades de Maputo e Matola, Boane e Marracune, deverá iniciar em Dezembro próximo e estará operacional em 2016, anunciou, esta quarta-feira (12), o Conselho Municipal da Cidade Maputo (CMCM).

O projecto será implementado em coordenação com a Agência de Cooperação Internacional do Japão (JICA) e está orçado 1.2 mil milhões de dólares norte-americanos, que vão cobrir várias acções, tais como reassentamentos da população que reside nos sítios por onde vai passar o metro e construção de estações. Apenas na cidade de Maputo estima-se que cerca de 400 famílias serão deslocadas.

João Matlhombe, vereador dos Transportes e Trânsito na edilidade de Maputo, explicou que o projecto está dividido em duas fases e só a construção do correr do metro, cuja linha férrea será dos Caminhos-de-Ferro de Moçambique (FCM), vai custar 320 milhões de dólares. A construção está a cargo de engenheiros brasileiros e da JICA.

Matlhombe disse que haverá carreiras regular e expresso, o sistema de pagamento será pré-pago e a cobrança das tarifas será feita por uma comissão independente do município de Maputo. Algumas rotas de transporte público e privado de passageiros vão sofrer algumas alterações para permitir a instalação do metro.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!