Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Número de mortos em protesto anti-governo sobe para 44 no Congo, diz grupo de direitos humanos

Pelo menos 43 pessoas foram mortas em protestos contra o presidente do Congo, Joseph Kabila, incluindo 37 mortos pelas forças de segurança e seis polícias mortos por manifestantes, informou o Human Rights Watch (HRW) nesta terça-feira.

Os protestos na República Democrática do Congo começaram na segunda-feira após a comissão eleitoral decidir tentar adiar a próxima eleição presidencial, marcada para Novembro.

Rivais de Kabila disseram que a proposta de atraso é uma manobra para manter o presidente no poder, embora políticos do partido governista neguem.

Kabila é barrado constitucionalmente de concorrer ao terceiro mandato e os seus aliados dizem que ele irá respeitar a constituição.

Com a insurgência a forçar o encerramento de escolas e paralisando transportes públicos na capital, a Organização das Nações Unidas expressou temores de que a situação possa se agravar.

Durante a noite, diversas pessoas foram mortas quando forças da segurança queimaram a sede do principal partido da oposição, o União pela Democracia e Progresso Social (UDPS), e atacaram prédios de outros partidos da oposição, disse a pesquisadora do HRW África para o grupo sediado em Nova York, Ida Sawyer.

Dezessete pessoas foram mortas durante a noite e nesta terça-feira, enquanto 20 foram mortas na segunda-feira, segunda ela.

“A maioria morreu quando forças da segurança atiraram contra multidões de manifestantes”, declarou a pesquisadora. “Também recebemos relatos confiáveis de que manifestantes mataram ao menos seis policiais e um manifestante do PPRD (partido governista) e que também queimaram e roubaram diversas lojas e esquadras”, disse Ida.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!