Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Níger diz que atiradores do Boko Haram mataram 18 em aldeia fronteiriça

O governo do Níger disse nesta quinta-feira que os militantes do Boko Haram mataram 18 pessoas, incluindo um líder religioso local, em um ataque contra uma aldeia na área de Diffa, no sul do Níger, na região da fronteira com a Nigéria.

Esses militantes islâmicos raramente reivindicam ataques, mas eles estão baseados no norte da Nigéria e muitas vezes fazem ataques transfronteiriços em Níger, Chade e Camarões.

Os homens armados chegaram à vila de Gogone perto das margens do Lago de Chade a pé e dispararam indiscriminadamente contra os residentes e atacaram suas casas, disseram fontes de segurança. Eles também dispararam foguetes no ataque, disseram as fontes.

“O Boko Haram nos fez ficar novamente de luto”, disse o ministro da Justiça e porta-voz governamental, Marou Amadou, em comunicado. “Dezoito moradores foram mortos, incluindo o imã-chefe da aldeia cuja garganta foi cortada pelo seu próprio sobrinho.”

A região de Diffa, no Níger, sofreu dezenas de ataques transfronteiriços neste ano pelo Boko Haram, cujo reduto no nordeste da Nigéria está a poucos quilómetros.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!