Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Nampula: mais de dois mil camponeses capacitados em técnicas de produção

A Vila do Milénio de “Intoculo”, na província de Nampula, Norte de Moçambique, capacitou, desde a sua criação em 2009, um total de 2.150 camponeses em técnicas de produção agrícola e pecuária.

A capacitação visa conferir capacidade para o aumento das áreas de cultivo e melhorar a qualidade dos produtos. Henrique Cau, Director do Centro de Investigação e Transferência de Tecnologias, no Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), os camponeses foram treinados para identificar os melhores solos, para além de gerir tecnicamente a dosagem e uso de adubos.

A outra componente ministrada em benefício dos camponeses de “Intoculo” foi a de técnicas e métodos de colheita de culturas diversas numa área produtiva de cerca de 1500 hectares, com uma produção estimada de pouco mais de 4.650 quilos de diversas culturas.

O programa, segundo Cau, prestou assistência técnica a um total de 150 camponeses em matérias de debulha de milho, feijão Nhemba e gergelim.

Na área da avicultura, o programa construiu e electrificou uma capoeira para fins de treinamento e transferência de técnicas de maneio avícola na comunidade, tendo sido disponibilizados, a 12 associados, um total de 800 pintos e prestada a devida assistência em matérias de alimentação, vacinação, entre outros cuidados inerentes a actividade.

“Espera-se que com estes conhecimentos sejam aumentados os efectivos avícolas, contribuindo para a melhoria da dieta alimentar e nutricional e melhorar a geração de renda das famílias envolvidas nesta actividade”, explicou a fonte do MCT.

As actividades incluíram a realização de palestras para a sensibilização dos alunos sobre os cuidados de saúde e higiene escolar, papel da mulher e da rapariga na sociedade, impacto da desistência na escola e os efeitos das queimadas descontroladas na comunidade.

No pilar da saúde, o programa desenvolveu um trabalho de sensibilização sobre o acesso a saúde materno infantil de um total de 3.410 mulheres e formado 600 pessoas em matérias de higiene e nutrição e prevenção e combate do HIV/SIDA.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!