Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Nampula: Famílias aguardam reassentamento desde 2008

Pelo menos 61 famílias do distrito de Monapo, província de Nampula, Norte de Moçambique, aguardam pelo reassentamento há mais de três anos, depois de serem retiradas das suas residências para dar lugar a construção de uma barragem.

Trata-se de famílias das comunidades de Patamola e Mpuatho, no posto administrativo de Netia, distrito de Monapo, que foram retiradas das suas habitações para dar lugar à construção da barragem que assegura o fornecimento de água ao projecto de produção de bananas da empresa “Matanuska”.

Segundo escreve o jornal “Notícias”, na sua edição de hoje, com a movimentação daquelas famílias, a empresa “Matanuska” assegurou ao Governo que iria construir um total de 61 habitações convencionais para igual número de famílias.

Contudo, até o ano passado, só estavam prontas 21 habitações, o correspondente a menos de metade do número das casas prometidas.

As autoridades do posto administrativo de Netia, foram oficialmente informadas que o atraso na conclusão do projecto deve-se à onda de roubos do material de construção verificada em 2008, ano em que iniciaram as obras.

“Quando procuramos saber da razão do atraso das obras, a empresa informounos que estava desanimada por causa dos roubos de materiais de construção”, disse João de Castro, chefe do posto de Netia Por causa desta situação, as 61 famílias vivem na condição de “acolhidas” nas comunidades circunvizinhas.

Além do atraso no reassentamento dessas famílias, a empresa “Matanuska” tem também falhado cumprir na íntegra o seu plano de responsabilidade social.

Por exemplo, esta empresa ainda não construiu a unidade sanitária que ficou de erguer nas comunidades ao redor das plantações do bananal, tendo apenas conseguido construir a escola prometida no âmbito deste programa de responsabilidade social.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!