Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Morrumbala expande TARV aos postos administrativos

As autoridades sanitárias no distrito de Morrumbala na Zambézia, estão a expandir os serviços de administração dos antiretrovirais para os postos administrativos daquele distrito.

Conforme explicou o director distrital de Saúde Mulher e Acção Social, o Tratamento Ant-Retroviral (TARV), ao chegar nos postos administrativos, vai minimizar o sofrimento que as pessoas vivendo com HIV/SIDA tinham para receber aqueles fármacos. De acordo com Maurício Pene, todos postos administrativos do distrito de Morrumbala, já estão a administrar o TARV.

Num outro desenvolvimento Maurício Pene explicou que antigamente, os pacientes que padecem daquela doença percorriam longas distancias ate chegarem a vila sede do distrito para levarem só uma dose de fármacos que um mês depois regressarem para levantarem outros medicamentos.

“Isto não ajudava as pessoas, por isso, decidimos expandir os serviços do TARV ate aos postos administrativos” – disse a fonte. Por exemplo, conforme sabemos, os pacientes do posto administrativo de Chire para chegarem a vila sede distrital, precisam de percorrer aproximadamente 200km, numa estrada em que não há transporte de passageiros constantemente.

Isso fazia com que as pessoas optassem por ficarem nas suas casas, mesmo sabendo que a sua situação serológica não era das melhores, mas como a distância que separa até a vila sede é maior, então a opção era mesmo manterse em casa.

E com essa boa nova que as autoridades daquele distrito implementaram, espera-se que as pessoas adiram ao TARV, visto que neste momento, o mesmo é administrado em cada posto.

Refira-se que o distrito de Morrumbala, possui 19 unidades sanitárias em todo distrito, sendo a maior, neste caso o Hospital Distrital, aquele que suporta a avalanche de todas outras unidades sanitárias.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!