Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moradores matam mais um cidadão à paulada na Beira

Um cidadão cuja identidade não foi apurada morreu nas mãos de populares, depois de ter sido submetido a sevícias, na madrugada do último sábado (13), na cidade da Beira, província de Sofala.

O homicídio, ainda sob investigação, aconteceu no bairro de Matacuane, arredores daquela urbe, onde diversas zonas se queixam de constantes assaltos a residências e na via pública, violações sexuais e outro tipo de incursões protagonizadas pelos amigos do alheio.

O indivíduo que foi vítima da justiça pelas próprias mãos integrava uma quadrilha que supostamente semeava terror naquela zona e caiu nas mãos de populares durante uma suposta tentativa fracassada de assalto a uma casa.

Ao lado do malogrado foram achados alguns instrumentos contundentes, tais como catana, e presume-se que esta serviu para desferir golpes contra o mesmo.

Os moradores alegaram ainda a Polícia da República de Moçambique (PRM) é inoperante e, apesar de constantes queixas de ocorrência de assaltos e agressões físicas, não dá cavaco.

As ruas de vários bairro estão às escuras, o que no entender dos moradores propicia a ocorrência de assaltos e maus-tratos à população.

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!