Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambola: Liderança em mãos “incertas”

Disputou-se, no passado fim-de-semana (18 e 19), a nona jornada do Campeonato Nacional de Futebol, o Moçambola, edição 2013. O destaque foi para o HCB de Songo que, depois de perder a liderança na ronda anterior, reassumiu o comando da prova ao empatar diante do Chingale de Tete. O Matchedje de Maputo, na cauda da tabela classificativa, conquistou mais um ponto.

Está renhida a luta pela liderança do Moçambola, edição 2013, em que, volvidas nove jornadas, três equipas estão igualadas no topo da tabela classificativa com 15 pontos cada. Trata-se do HCB de Songo, do sensacional Desportivo de Nacala e do campeão nacional em título, o Maxaquene.

Já na zona abaixo da linha de água, o Matchedje de Maputo, último classificado, reduziu para três pontos a diferença com o Estrela Vermelha da Beira, 13º lugar e para quatro com o Ferroviário de Nampula, 12º, o que, de certa forma, torna também interessante a luta pela manutenção. Um dado curioso é que equipa que está a um posto acima da despromoção, ou seja, na décima primeira posição, como é o caso do Têxtil de Púnguè, tem menos quatro pontos do que o pelotão de comando.

Matchedje e Vilankulo FC “vulgarizam” o futebol

O Matchedje de Maputo e o Vilankulo FC protagonizaram, no sábado (18), um arranque de jornada muito frouxo ao empatarem sem abertura de contagem no campo do Machava. Durante os noventa minutos, as duas equipas não foram capazes de justificar que estão em alta competição, oferecendo ao público uma partida de futebol bastante fraca em termos de ocasiões de golo.

Aliás, quer os “militares” da capital, quer os “marlins” de Inhames, conseguiram disfarçar a necessidade de pontuar para fugir da zona crítica, a que os remete aos respectivos campeonatos provinciais. Por incrível que pareça, e, apesar do ligeiro equilíbrio entre as partes, os primeiros quarenta e cinco minutos terminaram sem lances de perigo dignos de registo, para a desilusão completa da massa associativa afecta às duas equipas.

No reatamento, o Matchedje de Maputo entrou disposto a contrariar o ritmo da primeira parte, encostando o Vilankulo FC no seu terreno recuado. Transcorridos 61 minutos, Eka, o goleador ao serviço da equipa “militar”, após um lance de belíssima criação individual, desferiu um remate perigoso com o esférico a ir parar nas malhas laterais do guarda-redes Martinho.

Os visitantes não responderam e a cada distracção da sua defensiva viam Eka, ainda que sem arte, tentar o golo. Mas, já no período de compensação, quando os centrais do Vilankulo FC se preocupavam com a defesa zona de modo a não permitir a invasão do adversário na sua grande área, o extremo “militar” Bila, pela esquerda, driblou dois adversários que teve na frente mas atrapalhou-se no cruzamento conseguindo, porém, desferir um remate por cima da baliza.

Já perto do apito final, a vez foi de Eka entrar em cena para “testar” a vigilância de Martinho. Neste lance, o ponta de lança rematou de fora da grande área obrigando o guarda-redes a esticar-se e a usar a ponta dos dedos para evitar o golo certo do Matchedje. Com o nulo a prevalecer, o árbitro Aureliano Mabote deu por encerrada a partida.

Campeão nacional tropeça em Chibuto

No domingo (19), o Maxaquene foi a Chibuto com o objectivo de conquistar os três pontos e manter a sua posição de líder, visto que à entrada da nona jornada assumia isolado o comando da prova. Contudo debalde. Encontrou um Clube de Chibuto disposto a contrariar, com Johane na frente de ataque que não deu tréguas aos defesas tricolores.

Todavia, numa partida bastante equilibrada e, acima de tudo emotiva, os campeões nacionais em título foram os primeiros a dar indicações de quererem marcar, ao minuto 37, quando Isac, aproveitando-se da distracção dos centrais adversários, no meio da rua, fez um “chapéu” ao guarda-redes do Chibuto com o esférico a ganhar velocidade, passando ao lado da baliza.

A resposta ao lance, por parte da equipa da casa, surgiu cinco minutos mais tarde quando Johane, em tarde inspirada, recebeu a bola no centro e iniciou uma jogada individual de ataque, fugindo para o lado esquerdo da grande área onde, numa posição quase impossível, rematou para defesa espectacular de Acácio.

Na segunda parte, a equipa do Chibuto mudou completamente de estratégia e passou a jogar somente ao erro do adversário. Porém, foi graças a um lance de bola parada cobrado por Johane que chegou ao golo, a doze minutos do fim do encontro.

Este resultado, diga-se, em abono da verdade, foi muito bem aproveitado pelo HCB de Songo que recebeu, também no domingo em casa, o Chingale em derby da província de Tete. Os visitantes abriram o marcador por intermédio de Rogério na cobrança de uma grande penalidade, transcorridos 45 minutos da primeira parte mas, logo a seguir, ou seja, no primeiro minuto de compensação, consentiram um golo assinado por Jacob.

Na segunda parte, apesar do ligeiro equilíbrio com que prosseguiu a partida, as duas equipas não foram capazes de montar estratégias suficientes para chegarem ao golo, mantendo a igualdade no marcador até ao apito final do árbitro.

Desportivo de Nacala no assalto ao pódio

O estreante no Moçambola, Desportivo de Nacala, comprovou a sua alcunha de equipa sensação da competição ao derrotar, no seu reduto, o também novato Estrela Vermelha da Beira, por 2 a 0. Os golos surgiram somente na segunda parte e tiveram as assinaturas de Coutinho, ao minuto 60, na transformação de uma grande penalidade, e de Gito, dois minutos mais tarde, num remate de fora da grande área.

Com a vitória, o Desportivo de Nacala ascendeu à segunda posição do campeonato, com quinze pontos, igualando o líder HCB e o campeão nacional em título, o Maxaquene, ainda que este último se encontre no terceiro lugar.

Quadro de resultados

9ª Jornada

Fer. da Beira 2 x 2 Fer. de Nampula

Téxtil de Púnguè 0 x 1 Fer. Maputo

Clube de Chibuto 1 x 0 Maxaquene

HCB de Songo 1 x 1 Chingale de Tete

Matchedje 0 x 0 Vilankulo FC

Desp. de Nacala 2 x 0 Estrela Vermelha

*Costa do Sol – x – Liga Muçulmana

*Adiado

PRÓXIMA JORNADA

Fer. de Nampula x Costa do Sol

Fer. Maputo x Fer. da Beira

Maxaquene x Téxtil de Púnguè

Chingale de Tete x Clubde de Chibuto

Vilankulo FC x HCB de Songo

Estrela Vermelha x Matchedje

Liga Muçulmana x Desportivo de Nacala

David Nhassengo

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!