Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambola 2017: corrida para o título resume-se a União Desportiva de Songo e ao Costa do Sol

Moçambique vai ter um novo campeão de futebol, disputada a 25ª jornada a luta centra-se entre a União Desportiva de Songo, que venceu o Maxaquene e mantém a liderança destacada, e ao Costa do Sol, que derrotou a ENH. Mesmo com 7 pontos de desvantagem os “canarinhos” têm um jogo atrasado e ainda vão enfrentar os “hidroeléctricos”. Se a Associação Desportiva de Macuácua está quase despromovida a definição das outras duas equipas que vão deixar o Moçambola está a ser feita por pelo menos seis equipas.

Em Tete o líder recebeu os “tricolores”, aflitos para não caírem na zona de despromoção, e teve de suar e sofrer para manter a sua invencibilidade em casa, onde ainda não perdeu nesta época. Um golo de Jojó no minuto 79 garantiu os 3 pontos e a liderança tranquila da equipa treinada por Chiquinho Conde.

Já a equipa de Antoninho Muchanga afundou-se no 13º lugar, foi ultrapassado pelo 1º de Maio e tem apenas mais um ponto que o Chingale, o primeiro na zona de despromoção.

Para deixarem a zona de rebaixamento os “trabalhadores” da Zambézia derrotaram no seu campo a Associação Desportiva de Macuácua e saltaram para 12º lugar.

O Chingale por seu turno perdeu o 13º lugar em Nampula onde um golo de Daudo, na 2ª parte, sentenciou a vitória do Ferroviário local que subiu do 10º para o 9º lugar.

Quem se distanciou da zona de descida foram os “fabris” da Soalpo graças ao apadrinhamento do Ferroviário de Maputo na sua festa de 60 anos, Bernabás cortou para a própria baliza um centro de Osvaldo.

Ainda na luta pela manutenção no Campeonato Nacional de futebol os “pedagogos” do Niassa foram a Gaza arrancar um precioso empate diante do “guerreiros”.

Erik abriu o placar ainda na 1º parte para a UP mas Rodrigues salvou a equipa de Artur Semedo de uma humilhação mas o empate foi insuficiente para manter o sonho do título.

Entretanto os “canarinhos” de Maputo são a única equipa que ainda pode impedir o primeiro título nacional dos “hidroeléctricos”. Com um golo de Mfiki e outro de Nelson o Costa do Sol derrotou os representantes da “terra da boa gente” e continuam na perseguição do líder.

Para reduzir a desvantagem de 7 pontos equipa de Nelson Santos tem um jogo a menos, contra o Ferroviário da Beira, e precisa de vencer as restantes partidas, uma delas contra a União em Tete, e esperar ainda um deslize da equipa de Chiquinho Conde.

Eis os resultados da 25ª jornada:

Textáfrica de Chimoio 1-0 Ferroviário de Maputo

Ferroviário de Nampula 1-0 Chingale de Tete

Liga Desportiva de Maputo 1-1 Ferroviário da Beira

1º de Maio de Quelimane 2-0 AD Macuácua

Ferroviário de Nacala 2-0 Desportivo de Nacala

Clube de Chibuto 1-1 UP de Niassa

União Desportiva de Songo 1-0 Maxaquene

Costa do Sol 2-0 ENH Vilanculo

 

A classificação está assim reordenada:

CLUBES

J

V

E

D

BM

BS

P

União Desportiva do Songo

25

17

4

4

31

14

55

Costa do Sol

24

14

6

4

32

13

48

Clube de Chibuto

25

11

7

7

26

23

40

Desportivo de Nacala

25

9

11

5

21

14

38

Ferroviário de Nacala

25

10

7

8

20

19

37

Liga Desportiva de Maputo

25

9

8

8

31

27

35

Ferroviário da Beira

24

8

11

5

30

22

35

Ferroviário de Maputo

25

9

6

10

21

21

33

Ferroviário de Nampula

25

6

14

5

20

18

32

10º

ENH FC de Vilanculo

25

7

10

8

24

22

31

10º

Textafrica de Chimoio

25

8

7

10

22

25

31

12º

1° de Maio de Quelimane

25

7

7

11

26

34

28

13º

Maxaquene

25

6

9

10

21

23

27

14º

Chingale de Tete

25

7

5

13

25

37

26

15º

UP Lichinga

25

5

8

12

13

23

23

16º

AD Macuacua

25

3

6

16

12

40

15

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!