Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Moçambola 2010: Maxaquene e Ferroviário de Maputo na liderança

O campeão nacional, sem brilho nem chama, venceu o Matchedje pela marca mínima manteve a liderança do Campeonato Nacional de Futebol em igualdade pontual com o Maxaquene, que venceu o Costa do Sol de virada.

Num estádio da Machava “às moscas”, devido ao alagamento do campo do Costa do Sol, o Maxaquene assumiu as rédeas do jogo encostando o adversário para além da linha divisória dos dois meios-campos. Os canarinhos, depois do primeiro quarto de hora de sofrimento, tentaram sacudir a pressão com alguns contra-ataques rápidos. Numa perca de bola de Gabito, Escuro ganha a bola e rapidamente a coloca em Tó, que de primeira chutou para o ângulo mais difícil de Nelinho.

Os “tricolores” pressionaram ainda mais os pupilos de João Chissano e aos 40 minutos, Hélder Pelembe restabelece a igualdade e alguma justiça ao jogo, com um grande remate à entrada da àrea, que Abu não conseguiu travar. No segundo tempo, o Costa do Sol apareceu mais agressivo mas o Maxaquene continuava a ser a equipa mais esclarecida circulando melhor a bola.

Numa jogada de contra ataque Hélder Pelembe remata em jeito para a reviravolta no resultado, 2-1 foi o resultado final.

O campeão nacional, Ferroviário de Maputo e o Matchedje proporcionaram um mau espectáculo de futebol que nem valeu pelo golo de Sonito aos 75 minutos.

No relvado do Maxaquene os adeptos ainda nem tinham-se sentado e Maurício colocava a Liga Muçulmana na frente do marcador, com apenas 30 segundos de jogo é sem dúvidas o golo mais rápido do Moçambola-2010.

Os alvi-negros ficaram baralhados e nunca mais se encontraram em todo o jogo. Os pupilos de Artur Semedo criaram inúmeras oportunidades de golo que não foram concretizadas. Já sobre os 90 minutos Silvério sentecia o jogo em 2-0.

Em Inhambane o jogo também começou com um golo, Calton ganhou a bola no miolo do terreno, galgou alguns metros e à entrada da área é travado por Lamique, e o àrbitro perto do lance não hesitou apontando para a marca da grande penalidade. Joe, o capitão da equipa, chamado a cobrar o castigo máximo, atirou para o fundo das redes do Lichinga, estavam decorridos apenas três minutos. 

Resultados da 4ª jornada:

Costa do Sol-Maxaquene (1-2)

Matchedje-Fer. Maputo (0-1)

Desportivo-Liga Muçulmana (0-2)

Fer. Pemba-Textáfrica (1-2)

Sporting-Fer. Beira (1-1)

HCB de Songo-Atlético Muçulmano (2-1)

Vilankulo FC-FC Lichinga (1-0)

 

Classificação Pts

1º FERROVIÁRIO DE MAPUTO 10

2º Maxaquene 10

3º Liga Muçulmana 9

4º HCB de Songo 8

5º Ferroviário Beira 7

6º Vilankulo FC 7

7º Desportivo  5

8º Sporting da Beira 4

9º FC Lichinga 4

10º Textáfrica 4

11º Matchedje  4

12º Costa do Sol 3

13º Atlético Muçulmano  3

14º Ferroviário Pemba 0

 

Programa de jogos da 5ª jornada:

SÁBADO

Matchedje-Ferroviário Pemba

Maxaquene-Vilankulo FC

DOMINGO

Ferroviário Maputo-Atlético Muçulmano

Liga Muçulmana-Sporting

Ferroviário Beira-Costa do Sol

FC Lichinga-HCB de Songo

Textáfrica-Desportivo

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!