Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

MMAS e ADPPMoçambique juntos no apoio a grupos vulneráveis

O Ministério da Mulher e Acção Social (MMAS) e a Ajuda ao Desenvolvimento de Povo para Povo (ADPP-Moçambique), acabam de assinar um Memorando de Entendimento, com o objectivo de desenvolver e consolidar a cooperação no âmbito do apoio aos grupos em risco de exclusão social, com destaque para as crianças em situação difícil, jovens vulneráveis, famílias disfuncionais e afectadas pelo HIV e mulheres vivendo em situação de vulnerabilidade.

Ao abrigo deste memorando, assinado pela Ministra da Mulher e Acção Social, Virgília Matabele, e pela Directora Geral da ADPP, Birgit Holm, caberá ao MMAS assistir a ADPP na aplicação da política da acção social e das estratégias definidas para a protecção dos grupos populacionais mais vulneráveis. Por seu turno, a ADPP implementará os programas e os projectos nas áreas definidas pelo memorando em prol dos grupos alvos do MMAS, devendo para o efeito desenvolver um acordo específico para cada um dos programas.

Como forma de garantir o sucesso da interacção entre as duas instituições, o MMAS apoiará a ADPP na mobilização de recursos financeiros, materiais e humanos junto dos doadores, garantirá a formação de educadores de infância para ADPP e instruirá as direcções provinciais da Mulher e Acção Social, os Serviços Distritais de Saúde, Mulher e Acção Social para envolverem a ADPP no domínio da planificação, coordenação, monitoria e avaliação conjunta das actividades desenvolvidas.

A Ministra Virgília Matabele saudou o acordo celebrado quinta-feira, afirmando que com o mesmo se pretende unir esforços do Governo e da ADPP na promoção, protecção e justiça social das camadas mais vulneráveis. “Esta iniciativa é uma das que o Governo tem e que prioriza a implementação de acções na área de atendimento da criança em situação difícil, jovens carenciados, as mulheres e as pessoas portadoras de deficiência”, disse a governante.

Quer a Ministra, quer a Directora- Geral da ADPP não precisaram o montante necessário para se efectivar o estipulado no acordo, pois, segundo eles, ainda é um simples projecto. Para Birgit Holm, o acordo marca uma nova página, pois estas duas instituições já cooperavam a bastante tempo. “Podemos dizer que esta assinatura é só uma confirmação porque é um trabalho que temos vindo a fazer, mas ao mesmo tempo abre um novo capítulo. Já temos o memorando assinado que vai garantir a nossa colaboração no futuro em termos de projectos e novos desenvolvimentos, especialmente na área de apoio à mulher e crianças vulneráveis, que são áreas em que a ADPP têm vindo a trabalhar”, disse Birgit Holm.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!