Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

MISAU ultrapassa meta de partos institucionais

O Ministério moçambicano da Saúde ultrapassou, no passado ano de 2010, a meta de partos institucionais. O feito resulta do esforço conjunto desenvolvido pelos trabalhadores da área da saúde e parceiros, consubstanciado pela realização das semanas da saúde da mulher e da criança.

Esta informação foi avançada, segunda-feira, em Maputo, pelo Ministro do pelouro, Francisco Manguele, na abertura do 36º Conselho Coordenador do Ministério da Saúde (MISAU) que junta vários quadros do sector idos de todas as províncias do país e que, durante três dias, analisarão as realizações do ministério, os resultados e as dificuldades que o sector atravessou entre este e o anterior conselho.

“O importante é que, durante este Conselho Coordenador, façamos uma apreciação do progresso alcançado e das tendências apresentadas e, de forma crítica, ver até que ponto as recomendações deste encontro podem ajudar na gestão e planificação do sector da saúde”, disse Manguele.

Nesta reunião, serão ainda apresentadas as prioridades para o ano de 2012 as quais devem orientar a planificação em todos os níveis do serviço nacional de saúde.

O Ministro apontou, por outro lado, o facto de o sector da saúde estar ainda longe daquilo que todos desejam que seja no país, daí a necessidade de todos envidarem esforços, inteligência e dedicação para se reverter a situação.

O lema do conselho coordenador, “Com o nosso Povo Façamos das Unidades Sanitárias um Lugar Seguro e de Confiança”, mostra, segundo o Ministro, que um dos objectivos importantes do encontro é procurar caminhos para melhorar a dignidade e o prestígio das instituições de saúde no país.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!