Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Antigos membros do Governo detidos no Malawi por tentativa de Golpe de Estado

A polícia do Malawi prendeu esta Segunda-feira (11) pelo menos 10 antigos membros do Governo, incluindo ministros e elementos dos gabinetes, por suspeita de conspiração para derrubar o poder após a morte do Presidente Bingu wa Mutharika, ocorrida em abril do ano passado.

O irmão mais novo do antigo Presidente, Peter Mutharika, antigo ministro dos Negócios Estrangeiros, é um dos detidos. Entre estes encontram-se também a ex-ministra da Informação, Patricia Kaliati, e o comandante da guarda de Mutharika, Duncan Mwapasa.

Os supostos conspiradores foram descobertos na sequência das investigações desencadeadas por um inquérito oficial, que revelou a intenção do grupo de tentar de impedir que o vice-presidente Joyce Banda assumisse o poder, como está estipulado na Constituição.

Joyce Banda assumiu o comando do Malawi após a morte inesperada de Bingu wa Mutharika e uma das suas primeiras decisões foi mandar instaurar um inquérito para apurar as circunstâncias da morte do antecessor no cargo, pois existiam diferentes relatos sobre o que se terá passado no dia do seu falecimento.

“Tenho a forte convicção de que certos crimes foram cometidos por alguns indivíduos e como resultado disso as prisões foram efetuadas “, afirmou o ministro da Informação, Moisés Kunkuyu à Associated Press.

Descobertas reveladas na semana passada provam que Bingu wa Mutharika morreu de ataque cardíaco a caminho do hospital em Lilongwe a 5 de abril de 2012, e não dois dias depois como tinha sido inicialmente divulgado pelo Governo e pela família do antigo Presidente. O relatório divulgado relevou também que Peter Mutharika e outro dos detidos, o antigo ministro das Finanças Goodall Gondwe, tentaram convencer o Exército a intervir para evitar que Joyce Banda ascendesse ao poder.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!