Para continuarmos  a fazer jornalismo independente dos políticos e da vontade dos anunciantes o @Verdade passou a ter um preço.

Ministério da Educação proibe aulas à noite para alunos com idade inferior a 15 anos na capital moçambicana

O Ministério da Educação em Moçambique determinou, esta sexta-feira (11), que na cidade de Maputo nenhum aluno com uma idade inferior a 15 anos deve frequentar o curso nocturno em qualquer que seja a escola pública.

Esta medida vem responder, positivamente, à inquietação de muitos pais e encarregados de educação com educandos na faixa etária abrangida.

A vice-ministra da Educação, Leda Hugo, justificou que este ano existem, no curso diurno, vagas suficientes para albergar os alunos em causa.

“Queremos garantir que todos os efectivos escolares previstos tenham colocação nas escolas e garantir que não haja nenhuma criança com idade abaixo dos 15 anos no curso nocturno”, disse Ledo Hugo.

Ela falava a jornalistas instantes depois do fim de uma visita de monitoria do decurso do processo das matrículas na cidade de Maputo, que termina esta sexta-feira.

Alertou aos pais e encarregados de educação que nem todos alunos irão estudar no seu local de preferência porque há certos distritos municipais com menos disponibilidade de vagas, o que implica que vão passar para outras escolas.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts

error: Content is protected !!